SÃO PAULO - Mais de 2 mil agências da Caixa Econômica Federal abrem as portas em todo o País para os trabalhadores que querem sacar os recursos das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Os atendimentos acontecem entre 9h e 15h e valem somente para esta finalidade.

Os 7,6 milhões de beneficiados do terceiro lote de saques são formados por trabalhadores que nasceram entre julho e agosto. Para eles, estarão disponível R$ 10,8 bilhões, cerca de 24,89% dos recursos.

Pela regra, podem sacar o FGTS inativo, trabalhadores demitidos por justa causa ou pedido de demissão acontecido até 31 de dezembro de 2015. Os beneficiados não podem ter feito operações que comprometam o valor como financiamento da casa própria.