SÃO PAULO - A Brendan Wood International (BWI), empresa canadense de consultoria estratégica, divulgou ontem a lista dos melhores presidentes de empresas (Chief Executive Officer, CEO, na sigla em inglês) do mundo. O prêmio, batizado de TopGun CEO, nomeia os melhores executivos de 32 setores da economia. Neste ano, dois brasileiros figuram na lista dos vencedores: Roberto Setubal, presidente do Itaú Unibanco, e João Neves, presidente da AmBev.

Os nomes dos executivos indicados ao TopGun CEO foram definidos por um painel formado por 2.500 profissionais da área de investimento de 42 países, como gestores de recursos e investidores, responsáveis pela administração de um volume de capital superior a US$ 40 trilhões. O processo de indicação desses executivos foi realizado ao longo dos últimos seis meses, coordenado pela BWI.

A lista final dos TopGun CEOs é resultado da combinação das escolhas dos maiores investidores globais e da seleção dos principais analistas da BWI. Para ser escolhido como um TopGun CEO, o executivo deveria ter o maior número de indicações em seu setor de atuação, enquanto que a companhia em que trabalha deveria ter obtido uma nota pelo menos 10% maior que a obtida por seu concorrente no mesmo segmento no Índice de Confiança de Acionistas da BWI. O Índice de Confiança de Acionistas da Brendan Wood International é um relatório que reflete a confiança dos principais investidores institucionais e de analistas de grandes empresas ao redor do planeta.

O Índice classifica os CEOs em cada categoria com base no posicionamento da companhia, seu plano de negócios, crescimento, governança corporativa, liderança, visão, gestão e equipe. "Mais de 750 multinacionais foram avaliadas em um processo exaustivo", afirma Erik Hansen, presidente da BWI.

Pesquisa mostra que Roberto Setubal, do Itaú Unibanco, e João Neves, da AmBev, estão entre os melhores presidentes do mundo.