HAMBURGO/LONDRES (Reuters) - Compradores privados do Irã adquiriram mais de 500 mil toneladas de milho do Brasil nas últimas semanas, com mais embarques a caminho, à medida que os importadores buscam reforçar seus estoques, de acordo com fontes comerciais e dados de frete nesta sexta-feira.

Apenas em dezembro, os compradores iranianos reservaram navios para transportar mais de 500 mil toneladas de milho brasileiro, com pelo menos 150 mil toneladas atualmente carregadas nos terminais do Brasil para o Irã, mostraram os números.

"As cargas sul-americanas para o Irã parecem ser todas de compras privadas", disse um operador europeu.

O Irã foi o principal importador de milho do Brasil em 2017, comprando 4,8 milhões de toneladas, segundo dados do governo brasileiro.

"Os importadores privados parecem estar se aproveitando da situação de transporte vantajoso nos portos brasileiros antes de a nova safra de soja do Brasil atingir os mercados mundiais e também estão construindo estoques."

Os operadores disseram que os preços no Irã estão mais altos, criando oportunidades para importações do produto russo, ucraniano ou brasileiro.

O produto do Brasil é preferido porque em geral tem melhor qualidade.

(Por Michael Hogan e Jonathan Saul)