Plano de voo Liliana Lavoratti Editora de fechamento
22/06/2017 - 00h00

De Jequetinhonha a 'Vale do Silício' brasileiro

Aplicativo de mobilidade urbana desenvolvido em região pobre de Minas é lançado em São Paulo

 

Um aplicativo totalmente desenvolvido no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais, ou no Vale do Silício brasileiro, como define o empreendedor mineiro de 33 anos que quer revolucionar a maneira como as cidades - e os cidadãos - lidam com a questão da mobilidade. Ernani Jardim de Miranda Machado lança amanhã (23), em São Paulo, o MobQI, depois de testá-lo por dois anos em dezenas de cidades do mundo.  "O app foi desenvolvido lá porque eu queria mostrar ser possível fazer tecnologia em qualquer lugar", conta. "Claro que precisei me mobilizar para levar mão de obra qualificada para a região, além de capacitar a já existente."

 

App para revolucionar a mobilidade

 

A história desse empreendedor é bastante curiosa. Com raízes familiares na cidade de Araçuaí, a 678 quilômetros de Belo Horizonte, ele fez parceria com a Microsoft e o governo inglês para "revolucionar a relação de usuários de serviços públicos". À primeira vista, a diferença entre o MobQI e os apps que já existem é a convergência de serviços. Pela mesma plataforma, será possível acionar um táxi, ver rotas e horários de ônibus e metrô e, em caso de problemas com segurança, acionar polícia, bombeiros e ambulância a um clique.

 

Eficiência nas frotas

 

Por outro lado, Ernani Jardim de Miranda Machado promete oferecer aos prestadores de serviço de transporte uma plataforma que possibilita gerenciar com eficiência e precisão seus negócios, "seja de uma frota de veículos, seja do perueiro que tem uma só van", comenta ele. O mineiro formado em Administração de Empresas, Direito e Engenharia tem tecnologia na "veia" desde os 15 anos. E vem do Vale do Jequitinhonha também a sua experiência em agronegócios, como produtor de produtos orgânicos, em Araçuaí (MG).

 

Revestindo lá fora

 

Mais de quatro mil metros quadrados de diferentes tipos de pisos produzidos pela gaúcha Solarium Revestimentos estão embarcando para Luanda, em Angola. O material será utilizado em condomínio de alto luxo na capital africana, que já entrou na rota constante de exportações da empresa. Simultaneamente, o show room de Nova Iorque está apresentando um produto que para os americanos é novidade. Cristiano de Souza Gomes, diretor comercial da Solarium, organizou evento para arquitetos na capital americana e neste ainda mostrará o produto em Miami, Lima e Assunção.

 

Reinvenção de negócios

 

Joe Jackman, especialista internacional em reinvenção de negócios estará no Brasil na próxima terça (27) durante o Brazilian Retail Week - BR Week, para falar a três mil empresários do varejo. Responsável por elevar a gigante americana Walgreens a um patamar mais importante,  Jackman redesenhou a marca e o propósito, construiu um dos maiores programas de fidelidade dos EUA, revitalizou as lojas, alterou a experiência dos consumidores, redesenhou as categorias de produtos e realizou ações que a fez ser considerada a empresa de saúde mais inovadora do mundo.

 

Regularização ambiental

 

Com o objetivo de informar produtores rurais sobre os benefícios da adesão ao Programa MS Mais Sustentável, a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais, (Abiove), a ADM, a Agroicone e o Sistema Famasul promovem uma rodada de cursos no Mato Grosso do Sul (Bonito, Chapadão do Sul, Dourados, Maracaju e Naviraí). As entidades também lançaram um guia técnico, explicando passo a passo a adequação ambiental prevista no Código Florestal. "Produzir e conservar faz parte da mesma agenda. Por isso, buscamos gerar conhecimento para melhor orientar os produtores rurais", diz Rodrigo Lima, gerente geral da Agroicone.

 

Imprimir
TVB Nova Brasil FM Rádio Central AM
Uma empresa do
© 2017. DCI Diário Comércio Indústria & Serviços. Todos os direitos reservados.