Publicado em


Após 11 anos distante dos estúdios e um extenso período de residência no interior paulista, o sambista Almir Guineto celebra em grande estilo seu retorno em três shows na Choperia do Sesc Pompeia, nos próximos dias 1º, 2 e 3 de novembro.



Ao lado do filho e compositor Almirzinho, recebe Dudu Nobre, colaborador de longa data, que tocará nas duas primeiras noites, e o Quinteto em Branco e Preto que fará participação especial no último show, na noite de sábado. Com o título “Cartão de Visita”, o novo CD traduz inteiramente o atual momento pessoal e profissional de sua vida, marcado pelo regresso à cidade do Rio de Janeiro, sua terra natal e grande paixão. Caracterizado pelo partido-alto, estilo de samba que o tornou célebre nos anos 80, o novo registro musical de Almir Guineto, composto por 12 faixas inéditas, aborda em suas letras questões que permeiam toda a sua carreira, como a crítica social, o culto ao amor, a religiosidade e a importância dos amigos e da família.



Ao remontar suas origens, o sambista, oriundo do Morro do Salgueiro, imprime no novo disco, uma homenagem à alegria e a descontração que norteiam a capital fluminense. Versando sobre antigos amores e velhos companheiros, as canções de Guineto, com suas melodias envolventes, conferem ao CD um sentimento de nostalgia que remete à felicidade que o artista reencontrou ao voltar ao Rio de Janeiro.



Com produção de Ivan Paulo, as músicas do CD foram compostas em parceria com ícones do samba e da música popular brasileira, como Babalu, Dudu Nobre e Zeca Pagodinho.  Duas canções, Partideiro Caseiro e Dom do Criador, contam ainda com a participação de Arlindo Cruz e Adalto Magalha, respectivamente.



Trajetória



“Cartão de Visita” é um novo marco em uma  discografia construída ao longo de mais de três décadas, que já conta com 21 álbuns. Porém, antes mesmo de iniciar sua aclamada carreira solo, Almir Guineto era tido como um importante nome da cena musical carioca. Na década de 1970, ainda distante das gravadoras, o sambista foi diretor de bateria da Acadêmicos do Salgueiro. Na mesma época, integrou o grupo de compositores de um dos mais conhecidos blocos de carnaval do Rio de Janeiro, o Cacique de Ramos.



Em 1979, mudou-se para a cidade de São Paulo, onde tocou com a banda Originais do Samba, alcançando notoriedade como compositor. 



No conjunto paulistano o artista gravou suas primeiras  músicas e teve também  algumas de suas composições, como Coisinha do Pai e Pedi ao Céu, interpretadas por Beth Carvalho. Nos anos seguintes, fundou, ao lado de Jorge Aragão, Bira, Neoci, Sereno, Sombrinha e Ubirany, o grupo Fundo de Quintal, um dos principais expoentes do pagode carioca na década de 1980. 



O elogiado álbum ”O Suburbano”, de 1981, marcou seu ingresso na carreira solo. O disco de estreia lhe conferiu destaque na premiação do Festival MPB-Shell, em que interpretou o partido Mordomia, originalmente composto por Ari do Cavaco e Gracinha. 



Suas contribuições para a evolução da música brasileira, como a difusão do partido-alto e a luta, travada ao lado de artistas de peso como o humorista Mussum, para que o banjo fosse assimilado pelo samba, concederam a Almir Guineto alcunhas como “O Sambista Completo” e “O Rei do Pagode”. De volta à sua terra natal, o sambista, outra vez completo, olha para o futuro enquanto festeja suas raízes.



Almir Guineto tem sido  um dos maiores representantes do samba de raiz. Entre seus principais sucessos do samba carioca, destacam-se “Caxambu”, “Conselho”, “Jiboia”, “Lama nas Ruas” e “Mel na Boca”.



Serviço:



Almir Guineto – com participação de Almirzinho, Dudu Nobre e Quinteto em Branco e Preto — Sesc Pompeia, à Rua Clélia, 93; na Pompeia. Dias 1º, 2 e 3 de novembro, quinta e sábado, às 21h30, sexta (feriado), às 19h. As apresentações acontecerão na Choperia da unidade do Sesc.  Classificação indicativa: Proibido para menores de 18 anos.  Ingressos: R$ 24 (inteira); R$ 12 (usuário matriculado no Sesc e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) e R$ 6 (trabalhador no comércio e serviços matriculado no Sesc e dependentes). Informações pelo telefone: (11) 3871-7700.