Publicado em

Por Medha Singh

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street recuavam acentuadamente nesta quarta-feira, à medida que um importante indicador do mercado de títulos dos Estados Unidos apontava risco de recessão após dados econômicos fracos de Alemanha e China.

Às 12:21 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 2,23%, a 25.693 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 2,140914%, a 2.864 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 2,36%, a 7.827 pontos.

Os rendimentos das notas de dois anos dos Treasuries subiram acima do rendimento dos títulos de 10 anos pela primeira vez desde 2007, uma métrica amplamente vista como um sinal clássico de recessão.

O setor bancário, altamente sensível à taxa de juros recuava 2,50%, e o setor financeiro em geral caía 1,95% em resposta.

A queda nas exportações fez a economia da Alemanha contrair no segundo trimestre, enquanto o crescimento da produção industrial chinesa desacelerou ao menor ritmo em mais de 17 anos em julho, colocando o foco novamente na guerra comercial entre Estados Unidos e China e seu impacto no crescimento global.

Esse humor pessimista ocorre na esteira de um rali nos principais índices de Wall Street na terça-feira, graças à decisão do governo Trump de adiar a aplicação de tarifas sobre algumas importações chinesas.

O setor de tecnologia, de alto crescimento, foi o mais atingido. As ações da Apple caíam 1,74% após terem impulsionado os mercados um dia antes com uma alta de 4%. Os fabricantes de chips também estavam em baixa, com o índice de chips da Filadélfia caindo 2,09%

(Por Medha Singh)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447745))

REUTERS LB LM