Publicado em

A briga pelo mercado de flans e pudins, que sempre foi disputada, está agora mais acirrada. No último ano, a francesa Danone conseguiu superar a suíça Nestlé . Enquanto a primeira cresceu em participação de mercado em abril/maio, em relação a fevereiro e março deste ano, e segunda tornou-se líder - com 46,3% - a Nestlé perdeu participação e registrou 31,4%.A participação da Danone cresceu em função da aquisição da marca Paulista , na qual a empresa aposta suas fichas para continuar a crescer.Já a Nestlé aposta nas sobremesas lácteas como o leite condensado Moça, uma vez que a marca já é bastante conhecida do público consumidor.Segundo a gerente de assuntos corporativos da Danone, Sandra Rietjens, esse segmento cresceu em valores 31% no ano passado. "No primeiro semestre deste ano já houve crescimento de 8%, em relação ao mesmo período do ano passado," afirmouLácteos frescosOutro segmento em franca elevação e que também motiva disputas é o de lácteos frescos light, pois é um segmento que já representa 18% do mercado total de lácteos frescos."O segmento de sobremesas e iogurtes light apresentou um crescimento 53% em valor no ano passado.Só no primeiro semestre deste ano houve uma elevação de 36%, em relação ao mesmo período de 2002."Esse panorama favorável aos produtos light se deve principalmente ao fato de o consumidor buscar uma alimentação mais saudável e também as dietas. Os produtos lácteos light têm redução de gordura na composição. A Danone também é a líder no segmento com a linha Corpus, e detém 52% de participação de mercado."A linha Delicious - papaia e cassis, torta de limão, mousse, entre outros - está dentro do conceito de sobremesas. Ela foi lançada no ano passado e impulsionou o crescimento de mercado, pois com ele, novos consumidores que não gostavam do 'sabor de iogurte' entraram para a categoria light", diz Sandra.Já a italiana Parmalat está reformulando a linha de lácteos frescos e busca conquistar mercado. As mudanças devem ser anunciadas em julho.Até o fechamento desta edição, a Nestlé não entrou em contato com a reportagem para comentar a perda na liderança do segmento de lácteos frescos.O primeiro lançamento de produto light foi da Danone, em 1989, com o Danette, que ficou apenas um ano no mercado.