Publicado em

A indústria de chocolates transnacional Hershey's volta a colocar no mercado o Io Iô Crem - pasta à base de cacau - que foi um dos ícones das marcas de alimentos na década de 80, e espera obter, já no ano que vem, um crescimento de 10% nas vendas do produto.

A marca foi adquirida juntamente com o segmento de chocolates Visconti , em 2001.

Segundo a gerente de produto, Nathalie Favaron, a empresa investiu R$ 2 milhões para recolocar a marca no mercado. "Depois da aquisição da divisão de chocolates da Visconti deixamos a marca em compasso de espera, para que pudéssemos fazer uma avaliação de mercado para relançar a marca."

A empresa reformulou os ingredientes, mudou a embalagem e criou um personagem, o Io Iô, para que houvesse maior identificação das crianças com o produto. "A campanha de marketing mostra o personagem comendo o produto com o dedo, que é a forma que as crianças costumam degustar o Io Iô Crem. Isso trará uma aproximação maior do nosso maior público consumidor." Segundo a executiva, um diferencial do produto é o fato de não haver necessidade de "convencer" as mães sobre a qualidade do produto - o que geralmente é uma barreira para o consumo -, uma vez que elas consumiam o produto quando eram crianças. "O grande desafio das marcas voltadas para o público infantil é o aval da mãe e nós estamos em vantagem".

Para promover a pasta de chocolate, a Hershey's já está com dois espaços temáticos em grandes supermercados da capital paulista, onde serão feitas degustações do produto e várias brincadeiras com as crianças. Até o final do ano, serão mais dois espaços, também em São Paulo.

O Io Iô Crem é vendido na versão individual, de 15 gramas, maior aposta da empresa, para padarias e pequenos varejos, pelo preço sugerido de R$ 0,50. Também está à venda o multipack com cinco unidades individuais, para grandes mercados e os potes de chocolate e mix - chocolate branco e preto.