Publicado em

A Usina Itaiquara de Açúcar e Álcool investirá R$ 46,6 milhões na expansão da sua unidade industrial, localizada no município de Passos, no sudoeste de Minas Gerais.

Além de produzir açúcar, álcool e fermento biológico para panificação, o investimento permitirá a co-geração de 36,2 MW de energia. Com término previsto para dezembro de 2011, as obras vão gerar 520 empregos diretos.

De acordo com o diretor da Usina Itaiquara, Marcos do Amaral Mesquita, a produção de álcool deverá alcançar 36 mil metros cúbicos no primeiro ano e 148 mil m³ do quinto ano em diante, a partir do início de produção. Já a produção de açúcar deverá ser de 150 mil toneladas no primeiro ano.

"Dos R$ 46,6 milhões que serão investidos, R$ 22 milhões serão usados para adequação da moenda e da fábrica de produção de açúcar, instalação da destilaria de álcool, além de introdução de melhorias na fábrica de fermento biológico", diz

Segundo o executivo, os outros R$ 24,6 milhões vão ser aplicados na expansão da área plantada de cana-de-açúcar, que passará de 22,1 mil para 41,5 mil hectares na maturação do projeto.

"Estamos apostando no momento em que Minas Gerais apresenta uma série de investimentos do setor. O estado, que vem proporcionando às empresas uma série de facilidades, tem mão-de-obra qualificada e está estrategicamente posicionado", lembra Mesquita.

Além da Usina Itaiquara, outros 35 projetos estão em andamento no estado. Sete são de expansão e 28 de novas usinas. O total de investimentos previstos é de R$ 7,2 bilhões e quando todos esses projetos estiverem na capacidade máxima, Minas deve ter gerado cerca de 44 mil empregos.

Usinas

Trezentos e sessenta e quatro fábricas de açúcar e de álcool estão oficialmente cadastradas no Ministério da Agricultura (Mapa) para a safra 2007/2008 que na Região Centro-Sul começa oficialmente no próximo dia 30/4. A lista integra também as usinas das Regiões Norte e Nordeste, onde o ciclo 2006/2007 terminou em março.