Publicado em

Algo que tem preocupado muito o mundo corporativo é a alta taxa de mortalidade das empresas, que se dá justamente pela falta de conhecimento e aplicação de todo o potencial da Contabilidade. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 60% das empresas brasileiras encerram suas atividades em menos de cinco anos.

Desse modo, é necessário entender que o profissional contábil é um conselheiro da saúde financeira de qualquer gestão corporativa. Fornecemos informações necessárias para a prosperidade de uma empresa e ajudamos a adequar os processos de tomadas de decisão aos objetivos da empresa e à nova realidade de mercado.

Se antes a Contabilidade era vista apenas como um sistema de informações financeiras e tributárias, obrigatório em qualquer empresa, hoje é mais do que apenas análise de números.

Um profissional contábil devidamente habilitado ajuda a evitar a mortalidade de empresas e gera trabalho, renda e prosperidade, onde quer que esteja.

Nosso dia nasceu pelo brilhante senador e Patrono dos Contabilistas, João de Lyra Tavares, que instituiu, em 25 de abril de 1926, o Dia do Contabilista Brasileiro. Porém, a regulamentação da profissão só aconteceu em 30 de abril de 1931, com o Decreto 20.158, que oficializou as Ciências Contábeis no Brasil. Desde 2012, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) renomeou a data para o “Dia do Profissional da Contabilidade”.

Neste dia 25 de abril, data tão especial para nós, temos que lembrar as inúmeras vitórias dos profissionais da contabilidade. Segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), a Contabilidade é uma das profissões que mais empregam no país, com 93% dos profissionais formados e ativos no mercado.

Outra conquista da nossa categoria profissional é o espaço que as mulheres lutaram para ter: atualmente, somos mais de 222 mil profissionais da contabilidade, de um total de 520.573, representando 47% dos profissionais em todo Brasil. Somente no Estado de São Paulo, somos 63.143, de um total de 151.898. E tudo indica que vamos avançar mais ainda.

Esta, também, é uma data de reflexões. É normal que, em tempos de inteligência artificial, questionemos a sobrevivência da profissão contábil. Porém, as tecnologias não devem ser uma preocupação, mas sim aliadas, pois apesar de otimizarem os processos, jamais substituirão o olhar analítico, responsável e humano de um profissional da contabilidade.

Os profissionais que se atualizarem constantemente continuarão a brilhar em suas carreiras.

Pensando nisso, o Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo vem trabalhando para contribuir com o desenvolvimento profissional, obter mais conquistas para a Contabilidade paulista e para continuar a ser referência de ética e responsabilidade, sempre.

Portanto, curta seu dia com a alegria de saber que o profissional contábil é vital não só para as empresas, mas para toda a sociedade. E que a nossa profissão está mais viva do que nunca, agregando valor às empresas e aos gestores e líderes para tomadas de decisões assertivas, visando resultados corporativos positivos e crescentes.

Parabéns aos mais de 150 mil profissionais da contabilidade de São Paulo pelo nosso dia e pela nossa profissão.

 

 

Marcia Ruiz Alcazar é presidente do Conselho Regional de Contabilidade de São Paulo - redacao@nacomunicacao.com.br