Publicado em

Para diversificar a carteira de investimentos, os fundos imobiliários têm se tornado uma alternativa interessante ao longo dos últimos anos. Seja pela crescente valorização de imóveis, pela retomada da economia ou pela taxa Selic que segue estável, em 6,5%, a verdade é que as projeções para esses ativos ganham força dia após dia.

Para se ter uma dimensão de como os fundos de investimento imobiliário estão crescendo rapidamente, o índice Ifix, considerado como o Ibovespa dos fundos imobiliários, rendeu 11,67% no primeiro semestre deste ano, bem acima dos 3,07% do CDI no mesmo período. Quanto ao número de investidores, nos últimos 10 anos, foram de 20 mil para mais de 340 mil, segundo o boletim de maio de 2019 sobre fundos imobiliários da B3. Entre os melhores investimentos em ativos imobiliários, estão escritórios comerciais, shoppings centers, galpões logísticos e lajes corporativas, uma vez que a demanda por esses locais é crescente e o nível de vacância – período em que os imóveis estão desocupados – é baixo, além de possuírem maior resiliência durante períodos difíceis de mercado.

Quanto às vantagens de investir em FII, antes de mais nada, é importante orientar que, ao iniciar uma jornada de investimentos no mercado, o cotista busque entender sobre seu cenário, acompanhando quais serão seus maiores desafios, riscos e tendências.

Vale destacar que muitos especialistas acreditam que este tipo de investimento é a melhor opção diante de outros ativos, como o Tesouro Direto, Ações, Imóveis ou Criptomoedas, por exemplo, sendo uma boa estratégia mesmo para quem possui um perfil mais conservador e investe apenas em renda fixa.

Entre os principais benefícios, o baixo custo e a diversidade de cotas são grandes diferenciais, uma vez que, ao optar pelo mercado de FII, o investidor consegue iniciar sua jornada de compras de diferentes empreendimentos com cotas que custam pouco menos de R$ 2,00.

Além disso, a praticidade e a isenção de taxas é outra grande vantagem, visto que, assim como no caso de investimento em ações, a compra de ativos do fundo imobiliário é feita no ambiente de bolsa de valores. Dessa maneira, o processo se torna mais prático e isento de Imposto de Renda sobre os aluguéis distribuídos pelo fundo ou taxas de corretagem e custodia.

Outro ponto de suma importância é que, ao adquirir um fundo imobiliário, o investidor conta com especialistas que avaliam o mercado. Com isso, ele sempre será orientado e poderá acompanhar e investir nas melhores oportunidades. Além de tudo, é um mercado que possui liquidez, de modo que, caso o investidor precise dos seus recursos repentinamente, terá em, no máximo dois 2 dias, os investimentos disponíveis.

Para finalizar, após apontar as vantagens do investimento em fundos imobiliários, ressaltando, aqui, a importância de um acompanhamento regular desse mercado, uma vez que, mesmo apresentando grandes benefícios, trata-se de um instrumento de renda variável, podendo manifestar inconstâncias conforme o mercado (inadimplência, alteração no valor dos ativos, vacância, etc.)

Mas uma coisa é certa, os fundos de investimentos imobiliários já são a aposta de muitos investidores e abre um leque de oportunidades de expansão, proporcionando ao investidor menos risco, mais praticidade e, na grande maioria, rentabilidade maior!

E então, você está preparado para iniciar essa jornada de investimentos?

thf@supernovacapital.com.br