Publicado em

Depois da campanha eleitoral de 2018, a comunicação política não será a mesma. Pelo menos nos próximos anos. O novo contexto nacional, que elegeu um candidato considerado outsider na política, pertencente a um partido nanico, só para falar o óbvio, não poderá mais ser ignorado pelos profissionais das máquinas eleitorais. E no centro dessa realidade, as transformações decorrentes da disrupção tecnológica. Tudo isso já criou um novo mercado: o de cursos focados nas estratégias de comunicação política ampla, ideológica e constante, no lugar das sacadas geniais de marqueteiros, modelo que perdurou décadas no Brasil.

Novo contexto cria...

Quem aposta nessa linha de trabalho para 2019 é a Presença Online e o professor Marcelo Vitorino, em parceria com a ESPM-SP. “Finalmente, a mudança aconteceu. Há alguns anos, afirmo, em aulas e palestras, que a forma de fazer campanhas políticas estava condenada e que o relacionamento entre eleitores e políticos deveria ser estabelecido a partir de um novo modelo”, afirma o professor Vitorino. Os cursos, no âmbito do programa Master Class Comunicação Política, são divididos em quatro módulos e certificados pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

...mercado para cursos

Os temas dos módulos são planejamento de comunicação para mandato político, a construção de narrativas na comunicação, técnicas e anúncios digitais e combate a fake news e guerrilha. Neste último módulo, o aluno será preparado para controle de situações que envolvem a disseminação de boatos ou de notícias falsas, bem como, em caso de gestão de crise derivada de acontecimentos alheios ao trabalho, que demandam rápido controle da comunicação, para contenção de danos na imagem pública de gestores e representantes públicos de governos e instituições.

Em cima da hora

Enquanto passageiros do aéreo sabem que antecipar garante boas viagens e descontos atrativos, no mercado rodoviário grande maioria das buscas online é feita em cima da hora. Na plataforma BuscaOnibus, que processa mais de 12 milhões de pesquisas por mês, 40% das buscas são por informações sobre trechos, preços e horários para o mesmo dia - enquanto outras 21% são para o dia seguinte. "Da falta de flutuação no preço das passagens rodoviárias ao hábito do brasileiro comprar a passagem na rodoviária influenciam”, diz José Almeida, CEO e fundador do BuscaOnibus.

A união faz a força

O Sicredi – instituição financeira cooperativa com mais de 3,9 milhões de associados e atuação em 22 estados e Distrito Federal – ficou em 63º lugar no Valor Grandes Grupos, do Valor Econômico, na edição de 2018. O Sicredi também ocupou o 14º lugar entre os grupos que mais cresceram por receita; 8º lugar entre os 20 maiores em patrimônio líquido (mesma posição de 2017); entre os 20 maiores em lucro líquido (duas posições acima ante o ranking de 2017); e 7ª colocação entre os 20 melhores em rentabilidade patrimonial.

Liliana Lavoratti é editora de fechamento 

liliana@dci.com.br