Publicado em

Empreender é fazer coisas fora do comum, e alcançar o sucesso é remar contra a maré. Aprender com as águias, que empurram os filhotes para fora do ninho – ou, para crescer é preciso sair da zona de conforto. “No pain no gain (sem dor não há sucesso); como sobreviver em uma era que, além de global, também é digital e altamente disruptiva, onde tudo muda de repente e os concorrentes podem estar em todo o mundo. Nessa guerra para chegar a R$ 1 milhão, tem de eliminar a “patologia do coitadismo”. Esses pensamentos estiveram entre os mais repetidos, quase mantras, para 2,5 mil empreendedores em evento no fim de semana em São Paulo

Exemplo de superação

“O sertanejo que entrou para a lista dos milionários da Forbes” foi ovacionado na “2ª edição do Ebulição Instantânea by Rafa Prado”, em auditório no Golden Hall Sheraton WTC, no sábado (3), segundo dos três dias do evento. Em um palco montado com mesas no meio do público, Janguiê Diniz, SEO do grupo Ser Educacional, e “aquele que passou de engraxate a dono do maior grupo de educação do Nordeste e o terceiro maior de capital aberto no Brasil”, contou a saga do filho de analfabetos que saiu de uma cidade de três mil habitantes para “realizar um sonho grande”.

Sobreviver na nova economia

Além das histórias de empresários vitoriosos, a segunda edição do “Ebulição” – a primeira foi apenas alguns meses atrás – matou a fome de jovens empreendedores conhecer as tendências de negócios, gestão e liderança “para ter sucesso na nova economia”. Os modelos vieram também de fora: Kevin Harrington – empresário americano que faturou US$ 5 bilhões com lançamento de 500 produtos e fez mais de 20 negócios atingirem US$ 100 milhões em vendas” e Randi Zuckerberg, que ao lado do irmão, Mark Zuckerberg, dirige um braço de negócios do Facebook.

Não basta ser bom médico...

“O atendimento aos pacientes já mudou e vai mudar muito. Viemos aqui para entender onde estamos falhando como gestores e empresários. Hoje, ao contrário do passado, os pacientes não vêm mais até nós, nós é que temos de correr atrás deles. Os pacientes querem informações sobre seus problemas, temos de produzir vídeos para explicar as doenças”, disse o ortopedista Douglas Wihelm, 31, de São Paulo, que pagou cerca de R$ 3 mil para ele e a mulher, dermatologista, participarem na categoria “Vip” do “Ebulição”. “Nossa expectativa é sair daqui pensando além”, emendou.

...é preciso ter as conexões certas

Outra fonte de inspiração para os iniciantes é o próprio promotor do evento, Rafa Prado, empresário e investidor de 29 anos – ex-menino pobre da periferia de São Paulo –, criador do Influence, um grupo de Mastermind, mentoria e relacionamento fechado, com 30 empresários, que juntos acumulam negócios equivalentes a cerca de R$ 2 bilhões. Num mundo cada vez mais conectado, Rafa diz estabelecer conexões entre grandes empresários. “Ter as conexões certas é um grande diferencial no mundo competitivo que vivemos”, assegura o jovem mentor.

Expansão no exterior
 

E por falar em empreendedorismo, a Seguralta, rede de corretora de seguros que soma mais de 1,2 mil unidades comercializadas no Brasil e com operação em andamento nos Estados Unidos, avança na Argentina, Chile e Uruguai. O objetivo é tornar o corretor, que já está no mercado, um empreendedor, oferecendo mais possibilidades de negócios. Na América Latina, serão comercializadas franquias nas modalidades Master, Full e Home Office, além da Full. O franqueado Líder tem domínio de toda uma região, por isso será exclusivo naquele país, talvez mais de um, mas isso vai variar de acordo com o número da população de cada local.
 
 Ocupando espaço
 

O crescimento do Melhor Envio - serviço de intermediação de entregas - chama atenção: no mercado desde 2015, a empresa começou com 38 entregas no primeiro mês e hoje conta com mais de 197 mil envios realizados por todo Brasil. Em 2017, recebeu seu último aporte da Bossa Nova no valor de meio milhão de reais, o que garantirá novos projetos de expansão para o próximo ano. A empresa oferece cada vez mais serviços facilitadores e diferenciados como, a Melhor Coleta e o Melhor Rastreio sem custo adicional para seus clientes. “Antes do Melhor Envio existir eu trabalhava com e-commerce e sentia como era difícil e cansativo lidar com as entregas. Além dos custos exorbitantes, não tinha tempo de pesquisar os melhores fretes com os melhores preços, foi quando surgiu a ideia de unir as melhores opções de envio em um só lugar podendo oferecer preços justos e com serviços extras sem custos adicionais. Hoje sou feliz por proporcionar este serviço que contribui para a economia como um todo” conta Éder, fundador da empresa.