Publicado em

Antes de alcançar a cura de uma doença fatal como o câncer, é preciso ter a chance de um tratamento sério. É isso que move o oncologista pediatra Sidnei Epelman, idealizador e presidente da Associação para Crianças e Adolescentes com Câncer (TUCCA), que, junto com sua mulher, a psicanalista Claudia Epelman, está à frente de um conjunto de projetos que já atenderam cerca de quatro mil crianças e adolescentes, das quais de 70% a 80% foram curadas. Indiretamente, os benefícios são mais abrangentes. O Programa de Leucemia colabora com diagnóstico assertivo e orientação terapêutica a mais de 500 crianças investigadas.

Tratamento de pacientes e das famílias

“O mais relevante é oferecer a oportunidade da melhor oportunidade no combate à doença. O mais importante é cada criança ter acesso ao melhor tratamento. A cura pode não acontecer por outros fatores, que independem de nós, mas, felizmente, temos respostas e dados de curas comparados aos melhores tratamentos do mundo”, diz Epelman ao citar o elevado grau de “final feliz” nas crianças e adolescentes atendidos pela TUCCA. “Cem por cento é oferecer o tratamento”, ressalta. Desde 2001, quando o trabalho começou, a busca é a salvar pacientes e famílias.

Condições para enfrentar a doença 

Por isso, além do tratamento do câncer em parceria com o Hospital Santa Marcelina, do SUS, na zona leste de São Paulo, a TUCCA realiza atividades com pacientes e familiares, que mudam a rotina do tratamento, trazem aprendizado e entretenimento. “Nosso esforço é direcionado à população carente, com assistência que inclui o lado humano e social. Fazemos o diagnóstico, o tratamento, e suprimos outras necessidades para as crianças e adolescentes portadores de câncer enfrentar a doença da melhor forma e ter a chance de alcançar a cura”, segundo Epelman.

Parceria com hospital do SUS

No hospice, as famílias podem morar com os pacientes em fim de vida, enquanto recebem os cuidados médicos. A estrutura foi pensada para reduzir o sofrimento do doente e acompanhantes. Foto: Divulgação
 

O modelo deste trabalho, junto com o hospital público Santa Marcelina, por meio do Serviço de Oncologia Pediátrica, é único pelo fato de a TUCCA financiar a complementação dos serviços prestados com recursos do Sistema Único de Saúde. Nessa parceria entra uma casa de apoio às famílias com estrutura para as crianças não perderem estudo e até aulas de gastronomia às mães, pelo “Chefs pela Cura”, o hospice  – uma casa fora do complexo hospitalar para doentes terminais morarem com familiares enquanto recebem cuidados paliativos – e laboratório.

Financiamento sustentável

“O que nos diferencia dos demais hospitais do SUS é poder incrementar uma assistência completa, com sustentabilidade”, enfatiza o presidente da TUCCA. Os recursos vêm da venda de ingressos de concertos internacionais, de doadores privados, jantares, outros eventos como o desfile de moda com mães de crianças e adolescentes com câncer e aulas semanais com renomados chefs na cozinha experimental do ambulatório em Itaquera, também zona leste da capital paulista,  no programa Chef Pela Cura, que abrange ainda o “Pão com Pão”, feira de padeiros em shoppings.

Investimento nos jovens

O Instituto Jelson da Costa Antunes (IJCA), sediado no Rio de Janeiro, já contribuiu para a inserção de três mil jovens no ensino superior e mercado de trabalho, e chegou à capital paulista em 2016, contabiliza investimento superior a R$ 20 milhões, com média anual de R$ 2,5 milhões, nos 14 anos de atuação. Em três anos, foram formados e capacitados 90 jovens e 60 educadores em projetos culturais de ação educativa, em parcerias firmadas com  escolas públicas e organizações sociais. Desde a fundação, em 2004, as ações do IJCA, que tem parceria com a Viação Cometa, já impactaram positivamente as vidas de 3000 jovens, a partir do investimento no protagonismo e estímulo da criação e concretização de sonhos e projetos, segundo a própria entidade.

Ensino de tecnologia

A Faculdade Armando Alvares Penteado (FAAP), de São Paulo, investe no ensino de tecnologia com mais dois cursos para o vestibular de inverno 2019. Com duração de dois anos, os programas estão ligados às áreas Administrativa - Processos Gerenciais (Empreendedorismo e Inovação) e de Comunicação - Produção Audiovisual. O curso de Produção Audiovisual enfatizará disciplinas práticas, realizadas em estúdios de TV e Rádio com equipamentos de última geração, em que o aluno vai aprender fazendo. O programa oferece formação necessária para a realização das mais variadas técnicas e estilos, cumprindo as principais etapas de produção e direção. O curso Processos Gerenciais - Empreendedorismo e Inovação possui uma grade acadêmica que prepara o aluno para o universo empreendedor, alinhado com as tendências da sociedade contemporânea. O foco é a criação de negócios, a partir do conhecimento das etapas fundamentais da jornada de um novo empreendimento, como geração de ideias, modelagem e formatação do negócio.

Rio da memória

 

Os Lavadores de Histórias s - Urucum, Tom Tom e Jatobá -, interpretados pelos atores palhaços Emiliano Favacho, Mariá Guedes e Felipe Michelini, visitam, à noite, quintais abandonados para lavar objetos esquecidos como brinquedos e roupas, e reviver momentos especiais da infância. Eles carregam consigo o “rio da memória”, no qual vão lavando as coisas que encontram e revelando histórias, fantasias, personagens e brincadeiras. Por meio de cenas cômicas, circenses, teatro de sombras e objetos, o espetáculo faz uma sensível reflexão sobre a relação da criança com o mundo real e da imaginação, e lança sobre a infância o olhar lúdico e poético. Tendo como ponto de partida a potente e delicada poesia de Manoel de Barros, a concepção valoriza a intimidade com as pequenas coisas, a beleza contida em sutilezas, a graça da imaginação, as brincadeiras espontâneas e colaborativas e o contato com a natureza. O espetáculo será apresentado no Auditório do Sesc Vila Mariana, em são Paulo, de 9 a 30 de junho.

A montagem, dirigida por Tereza Gontijo, foi inspirada na poesia de Manoel de Barros. Foto: Giuliana Cerchiari

PLANO DE VOO