Publicado em

Uma das maiores empresas globais de venda direta, a norte-americana Young Living Essential Oils, líder mundial em marketing de relacionamento de óleos essenciais, vai inaugurar dia 7 de dezembro próximo, nos Jardins, na capital paulista, um centro de experiência, onde os consumidores poderão experimentar os benefícios dos produtos. A abertura do local de experimentação dos produtos que a empresa vai comercializar no Brasil preparará o terreno para o lançamento da marca, em 25 de abril de 2020. Segundo Carla Marco, principal executiva no Brasil, é grande a expectativa em relação ao mercado brasileiro.

Óleos essenciais amplia promissor...

“O País já aponta com grande representatividade no segmento de venda direta ocupando a sexta posição global, com 5% da operação de todo o mundo. Apenas em 2017, foram comercializados mais de 1,9 bilhão de itens de produtos e serviços, que geraram um volume de negócios de R$ 45,2 bilhões”, afirma Carla Marco. “A companhia identificou o cenário ideal para trazer ao mercado brasileiro o que é essencial para cada consumidor, por meio da qualidade dos nossos produtos e modelo de negócio”, acrescenta a executiva.

...mercado de higiene e beleza

Presente em 26 países, maior empresa de óleos essenciais do mundo anuncia expansão na América Latina com abertura de escritório em São Paulo, além de um centro de experiência. “Tornar nossos produtos disponíveis no Brasil é um grande passo para cumprir a missão de Gary Young [fundador da marca] em levar nossos óleos essenciais para cada casa no mundo”, disse Mary Young, cofundadora e CEO da Young Living. Com base em ciência, a empresa dedica-se à criação de óleos essenciais e produtos puros, por meio de métodos ambientalmente conscientes.

Clic a clic

A Young Living Essential Oils desembarca no Brasil trazendo o modelo de negócio de marketing multinível, com objetivo de atrair membros em todo o País para se juntar aos mais de 6 milhões em todo o mundo. “Nosso negócio não será porta a porta, mas clic a clic”, exemplifica Marco, enfatizando a venda das várias linhas de produtos via e-commerce. “Quando o assunto é cosmético, o protagonismo do Brasil fica ainda mais em destaque. “Com mais de 54%, a categoria de cosméticos lidera o ranking de vendas diretas no nosso mercado, bem acima da média mundial de 34%.”

35 produtos no Brasil

“Há 25 anos, inspiramos bem-estar e abundância na vida das pessoas por meio do portfólio de 600 produtos voltados ao bem-estar de toda a família que, a partir de agora, estarão disponíveis para os lares brasileiros”, afirma a executiva. No Brasil, será lançada a linha de óleos com 35 produtos, com destaque para o Premium Starter Kit, com 12 óleos para introduzir os produtos aos consumidores. A Young Living tem 25 fazendas próprias e parceiras, mais 26 escritórios e centros de experiência pelo mundo e comercialização em mais de 150 países.

Corrente do bem 

O Conselho da Mulher Empreendedora e da Cultura (CMEC) da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) lança a partir deste mês a campanha do Dia das Crianças ACSP intitulada “Hora de Doar, muita história para contar”. O incentivo à leitura infantil para o desenvolvimento dos futuros cidadãos e para a qualidade da formação por meio da doação de livros, ganha ênfase na arrecadação deste ano. “A leitura é fundamental na educação infantil, pois ela tem a capacidade de formar cidadãos mais conscientes e críticos”, destaca Ana Cláudia Badra Cotait, presidente do CMEC da Associação Comercial de São Paulo, responsável pela organização da ação. Todo o material arrecadado será encaminhado para as 15 distritais da ACSP e, estrategicamente, serão distribuídos em entidades assistenciais nestas regiões. As doações podem ser realizadas diretamente nestes pontos de entrega: no prédio da ACSP no Centro de São Paulo (Rua Boa Vista, 51) ou nas 15 distritais de bairros da capital.

Sushi bar e izakaya juntos

O Wafu Number 1, em São Paulo, junta um sushi bar e izakaya – espécie de botequim japonês. A área do sushi bar conta uma linha de sushis especiais liderada pelo chef Marcel Sasaki. O espaço externo izakaya dedica-se para os drinks e petiscos, com uma coquetelaria excepcional e variada, dividida entre clássicos e alguns drinks autorais assinados pelo barman Jackson Araújo.

O Massagô Spaghetti é apenas um dos diversos pratos inovadores do Wafu Number 1, uma releitura das tradicionais comidas servidas nas ruas do Japão. A versão da massa italiana no estilo japonês leva espaguete  italiano bavette, creme de leite, shitake, ovas de capelim (massagô), pingos de limão siciliano e nori, no valor de R$ 49,00. Localizado no bairro de Pinheiros, a nova casa dos sócios do Restaurante Dô Culinária Japonesa, que são os 3 sushiman no dia a dia: Osmar Tanaka e Kazuo Ozaki (vieram do Dô Pinheiros), Marcel Sasaki (do Dô Jardins); e Marcelo Tanaka, que cuida da operação do Jardins. WAFU significa: WA = japanese e FU = style.

Menos plástico

Inovar e ser mais sustentável é uma premissa e uma realidade para a indústria mundial atualmente. Com o lançamento da Naturágua Eco, o Grupo Telles atingiu as duas metas de uma vez só. O produto se diferencia por ser proveniente de novas fontes de água mineral, que apresentam pH acima de 7 – naturais da fonte –, implantadas em uma área de mais de 50 hectares. A produção da nova linha é feita com tecnologia europeia e utilizará, a partir de 2020, energia solar. A Naturágua Eco chega ao mercado com mais novidades: sua garrafa é mais leve, com 9 gramas – contra as de 13 a 15 gramas disponíveis no mercado – e, por isso, se posiciona frente a nova tendência do segmento de embalagens, que tem priorizado a redução de material, de recursos e a eficiência energética na produção. O investimento de R$ 13 milhões tornou possível o desenvolvimento de uma embalagem com 30% menos plástico. “Reduzir material significa, automaticamente, diminuir a utilização de recursos para a produção como um todo. O ciclo produtivo inteiro é impactado, o que gera um produto muito mais sustentável”, explica Aline Telles Chaves, vice-presidente de Operações do Grupo Telles.

Menos recursos, menos gestão 

Uma pesquisa intitulada “Parques do Brasil – Perspectiva dos Gestores”, realizado pelo Instituto Semeia, que ouviu gestores de 266 parques, mostrou que a maioria deles, embora se sinta realizada com seu trabalho, está insatisfeita quanto ao cumprimento do que consideram ser a missão dos parques: conservação, uso público e educação/conscientização ambiental. Na escala de 1 a 10, os entrevistados deram nota média de 5,8 para esse item. O Instituto Semeia, ONG criada pelo cofundador da Natura, Pedro Passos, fomenta parcerias que abram caminhos para a união de esforços entre o setor público, a iniciativa privada e a sociedade civil. Nesse trabalho, o Instituto Semeia já participou ativamente do desenho de 60 concessões de parques em todo o País. Além disso, 60% dos pesquisados consideram que não têm os recursos necessários para realizar sua gestão. Essa situação leva a carências, entre as quais destaca-se a constatação de que 22% das unidades de conservação não realizam contagem nem estimativas sobre o número de visitantes. E apenas 36% dos parques fazem contagem direta do fluxo de pessoas.

Oportunidade para PMEs no Canadá

A Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC) embarca no próximo sábado, 21 de setembro, em uma nova missão com foco em expandir as oportunidades de negócio para os empreendedores brasileiros de Cafés Especiais. Este ano, os representantes das marcas: Cocapil (MG), Fazenda Nova Aliança (Tatuí/SP), Café Fazenda Floresta (São Sebastião da Grama/SP) e Above (Lambari/MG e Carmo de Minas/MG) terão um encontro marcado com grandes players do setor cafeeiro canadense na Canadian Coffee and Tea Show, maior evento do segmento de bebidas quentes no Canadá, que acontece em Toronto. O evento é uma ótima oportunidade para gerar contatos importantes da indústria e conhecer as tendências desse mercado. O grupo ainda irá para Calgary onde se encontrará com compradores escolhidos pela entidade, o que aumenta a chance de fechar negócios. Segundo Paulo de Castro, diretor de Relações Institucionais da CCBC, existe grande possibilidade desses cafés tipicamente brasileiros serem bem recebidos no mercado canadense. “Os canadenses têm um grande poder de compra e costumam apostar em produtos com alto valor agregado e com identificação de origem”, conta.

Noite do fado

Nesta sexta-feira (20), Marisa Orth apresenta a “Noite do Fado”, em São Paulo. O show reúne grandes nomes da área na Casa de Cultura “Os Capoeira”. Marisa Orth teve um contato mais intenso com o gênero musical ao viver a personagem Celeste Hermínia, uma cantora portuguesa,  na novela Tempo de Amar, exibida pela rede Globo em 2018. Para viver a personagem, a atriz teve a preparação vocal da professora e cantora angolana Jéssica Areias, que estará acompanhada dos instrumentistas Ricardo Araújo e do violonista e produtor nascido na Áustria e residente no Brasil há 14 anos, Michi Ruzitschka.

 

Liliana Lavoratti é editora de Fechamento - liliana@dci.com.br