Publicado em

A rede paulistana de docerias Ofner decidiu mudar sua estratégia comercial. Começou com um projeto de reformulação e ampliação de lojas de rua e agora vai apostar no mercado de festas e eventos, com a nova unidade batizada de L’Atelier Ofner.

A meta é atender um número cada vez maior de consumidores. Segundo o diretor-executivo, Mário Costa Júnior, as alterações trazem mais possibilidade ao cliente e ampliam os negócios da empresa. “O L’Atelier tem como objetivo criar novos sabores e produtos para uma demanda diferente da que costumamos atender”, comenta, acrescentando que, somente para esta nova bandeira, a companhia já investiu R$ 500 mil.

A primeira loja voltada ao mercado de festas e eventos será no mezanino da unidade da Alameda Campinas, área nobre da capital paulista, onde o cliente encontrará um show room com doces e bolos feitos de forma artesanal. Além de atender o mercado de festas e eventos, o consumidor final poderá adquirir ali os produtos do L’Atelier.

“Para realizar um evento com os doces e bolos da marca, o consumidor poderá agendar uma degustação com a chef Claudia Eid, que apresentará todos os produtos disponíveis na Ofner”, destaca o executivo.

Denominadas de lojas-conceito, as antigas lojas de rua da marca passarão por reformas e contarão com novos serviços, como uma ilha com doces e bolos sendo confeitados na hora pelo chef. A primeira unidade a receber as mudanças, localizada na Alameda Campinas, em São Paulo, foi reinaugurada em setembro. O investimento no estabelecimento chegou a R$ 1,2 milhão.

O cardápio também foi alterado a fim de abranger diferentes refeições do dia. Novos itens como saladas de frutas, parfaits, omeletes, iogurtes, tartines, sanduíches, sopas e vinhos foram acrescentados. Ao todo foram mais de 20 novos pratos, incluindo versões veganas e vegetarianas. “Nossa intenção é oferecer um leque de possibilidades ao cliente. Por exemplo, com a mudança no cardápio, ele poderá tomar um café da manhã ou da tarde, almoçar e até fazer um happy hour ou jantar no mesmo lugar”, explica Júnior.

Entre as novidades está a “Fábrica de Gelato”, posicionada na frente da loja. Nela, o cliente pode provar mais de 12 sabores de sorvete e quatro de sorbet, todos produzidos artesanalmente no local.

Há 66 anos no mercado de confeitaria , a Ofner conta com 27 lojas na grande São Paulo. A estimativa é que, em breve, todas as lojas da rede expressem o novo conceito da marca. As próximas a serem “repaginadas” serão as unidades das Avenidas Nove de Julho e Moema. Além disso, a estratégia é atingir cidades localizadas em até 100 quilômetros de São Paulo, capitais de outros estados e também duas nos Estados Unidos.

Segundo Júnior, serão abertos cerca de seis novos estabelecimentos, com prioridade para a capital paulistana. Duas das seis novas lojas deverão ser inauguradas até o final de 2018. A expectativa de faturamento para este ano é de mais de R$ 8 milhões.

Natal

Além de produzir bombons, salgados, bolos e sorvetes, a rede aposta na fabricação de panetones. Júnior ressalta que a empresa apresenta um ritmo constante de crescimento de vendas durante o Natal, vinculado basicamente no pilar custo-benefício. “Para nós o Natal é a melhor época do ano. Em volume de vendas anual isso significa um crescimento de 20%”, comenta.

Além do mercado interno, desde 2016, a Ofner exporta panetones para as Américas do Norte, Sul e Central. “Para o ano de 2018, pretendemos quadriplicar o volume exportado para os EUA em relação a 2017”, explica o executivo.