Publicado em

A rede de lojas Planeta Surf , focada no mercado de surf e skate, inaugurou, no último sábado (25), sua quinta loja, em São Leopoldo, no Estado do Rio Grande do Sul. Segundo Carlos Cunha, sócio-proprietário da rede, o segmento de surf apresenta um desempenho melhor que o restante do varejo pois os jovens não se privam do que gostam ou do que querem ter. No entanto, ele credita a boa performance da empresa a administração. "É importante ter conhecimento da empresa, saber onde se quer chegar, ter condições de investimento", destaca o empresário.

A loja de São Leopoldo representa uma ousadia em termos administrativos. A nova unidade possui dois mil metros quadrados e se localiza na Avenida Getúlio Vargas, 1.715, ao lado da BR. Além das mais tradicionais marcas de surf, a Planeta Surf de São Leopoldo vai contar com pista de skate, café com Internet, bar, telão, ilha temática, cascatas (dentro e fora da loja) e sete aquários.

Para conseguir oferecer estas opções, Cunha explica que foram firmadas parcerias. O Terra entra com a Internet banda larga, a Brasil Telecom com a parte de telecomunicação, e a loja VM Informática fornece computadores. "Como empreendedor, sempre se busca ter a maior e a melhor operação", diz.

Além da loja de São Leopoldo, a Planeta Surf possui três operações em Porto Alegre - na Galeria Malcon, Shopping Rua da Praia e Bourbon Ipiranga - e uma no Canoas Shopping , na cidade de Canoas.

Para o diretor de eventos da Câmara de Dirigentes Lojistas de São Leopoldo , Olinto Menegon, a abertura de qualquer ponto comercial ou indústria na cidade é motivo de alegria. Até porque o município perdeu seu único shopping no ano passado. "Tivemos um período de baixa estima, que desestimulou o varejo em geral, mas agora o mercado começa a fluir melhor, novos negócios vão surgindo", comemora Menegon.

Segundo Olinto, com o fechamento do shopping, o nicho de surf e skate ficou à deriva e agora passa a ser atendido com uma grande loja. Outra boa notícia para o varejo local foi a aquisição da área do shopping pelo Grupo Bourbon, "que deve movimentar todo o comércio". As informações são da Agência Sebrae.