Publicado em

Nesta quarta-feira (3) o Governador João Doria se reuniu com o Prefeito de São Bernardo do Campo, Orlando Morando, e o Secretário Executivo da Segurança Pública, Coronel PM Álvaro Batista Camilo, para discutir os detalhes da implantação do Centro de Operações Integradas, conhecido como “COI”, na cidade de São Bernardo do Campo.

Na reunião, realizada no Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo do Estado, foi realizada a assinatura de autorização para os procedimentos que culminarão com o primeiro COI do município. O Centro de Operações Integradas irá congregar no mesmo espaço as polícias Militar, Civil, Guarda Civil e vai integrar também Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e outros órgãos.

“Uma iniciativa valorosa do Prefeito Orlando Morando, que já em janeiro, na nossa posse, anunciou que faria isso, e fez. Em agosto, o primeiro COI será inaugurado em São Bernardo do Campo e irá operar de forma exemplar, servindo inclusive de referência para os demais COIs que serão implantados gradualmente em outras cidades do Estado de São Paulo”, disse Doria.

O Prefeito do município do ABC paulista, Orlando Morando, destacou a importância do COI para a continuidade das ações do Governo do Estado que vem trazendo bons resultados paras gestões municipais. “Importantíssimo para a segurança, está alinhado com o que nós pensamos e o que a população espera”, completou.

Ford

O grupo Caoa deve assumir as operações da fábrica da Ford em dezembro, em São Bernardo. O negócio vem sendo acertado e deve ser concluído nos próximos dias. A data foi citada pelo governador, que está intermediando a negociação de venda entre a montadora e investidores interessados. Embora Doria tenha dito que, por enquanto, há “apenas uma indicação” de que o grupo Caoa seja o comprador – pois ainda não há confirmação –, fontes ligadas à negociação dizem que já há acordo sim. “A Ford vai operar essa fábrica até 30 de novembro e, a partir de dezembro, terá novo proprietário que vai continuar a produção, preservando os empregos”, diz Doria.