Publicado em

O governo do Estado de São Paulo enviará agentes da Polícia Militar e Polícia Civil para realizar um intercâmbio com o Departamento de Polícia de Nova York. Ontem o governador João Doria participou da primeira reunião de trabalho

na cidade norte-americana e conheceu de perto algumas das novas tecnologias e métodos que pretende implantar em São Paulo.

Para isso, serão enviados a Nova York agentes da Polícia Militar e Polícia Civil, que devem fazer treinamentos e estudar o que pode ser incorporado aos processos no Estado. “Temos o plano de trazer aos Estados Unidos oficiais para serem treinados pelo Departamento de Polícia, tido como um dos mais eficientes do mundo”, ressalta o Governador. “É um programa de intercâmbio para o aprimoramento da polícia do Estado, que já é considerada e respeitada como a melhor do Brasil”, acrescenta Doria.

Entre as iniciativas que agradaram ao Governador estão as novas tecnologias e o uso da bodycam, que deve ser implantado no território paulista até o fim do ano. Presas aos uniformes dos agentes, essas câmeras ajudam a produzir provas e a aprimorar os protocolos seguidos por todos os policiais da corporação.

A viagem aos EUA vão também incluir conversas com norte-americanos. Com o objetivo de atrair investimentos para o Estado, o governador Doria embarcou para uma visita de cinco dias, durante os quais participará de outros eventos e encontros com investidores e empresários. Atualmente, São Paulo conta com 21 projetos de concessão e parcerias público-privadas em desenvolvimento nas áreas de infraestrutura e mobilidade urbana, aeroportos, segurança, parques e entretenimento.

O Estado também aglomera diversificada rede de startups e fintechs com projetos estruturados para a promoção dos investimentos. Todos estão em diversos estágios, parte deles em elaboração e outros já finalizados para lançamento de edital.

Ibirapuera

As funções do Parque do Ibirapuera, na zona sul da cidade de São Paulo devem começar a mudar. A realização de diversas atividades sofrerão mudanças em breve, com a aprovação de um plano diretor que vai delimitar as regras de uso do local.