Publicado em

A Prefeitura de São Paulo, por meio da secretaria do Governo, publicou nesta terça-feira (23/04) no Diário Oficial, uma consulta pública para a concessão do Mercado Municipal Paulistano, o chamado Mercadão, e do Mercado Kinjo Yamato, ambos na região central da cidade.

O edital de licitação prevê que a empresa vencedora da seja a responsável pela restauração, reforma, operação e manutenção dos mercados. A concessão está prevista por um período total de 25 anos.

A modalidade de licitação será a de Concorrência Internacional. O vencedor será a empresa e/ou consórcio que apresentar a melhor proposta financeira.

A Audiência Pública está marcada para maio. Desde ontem (23 de abril), os interessados já puderam acessar e consultar as minutas do Edital de Licitação, Contrato e Anexos, no seguinte endereço eletrônico na internet: https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/governo/projetos/desestatizacao/mercados/

Consulta

As sugestões ou críticas poderão ser feitas por escrito e dirigidas à Secretaria do Governo Municipal, até o dia 24 de maio de 2019, acompanhadas de identificação do interessado e podendo ser encaminhadas (com solicitação de confirmação de recebimento) pelo endereço de e-mail: concessaomercados@prefeitura.sp.gov.br ou fisicamente, mediante protocolo na Secretaria do Governo Municipal (SGM) localizada no Viaduto do Chá, número 15 – 11º andar – Centro de São Paulo.

Após o período de consulta pública, todas as contribuições serão analisadas e os ajustes necessários serão feitos para que o edital final de licitação possa ser lançado ao mercado.

A Audiência Pública está marcada para uma sexta-feira, 10 de maio de 2019, às 10h, na Sala Olido, que fica na Avenida São João, 473, térreo, no Centro da Capital paulistana. Documentos ficarão abertos para consulta por 30 dias.

O Mercado Municipal hoje conta com mais de 1.500 funcionários. Ao todo, são 290 boxes que oferecem cerca de 350 toneladas de alimentos por dia.