Publicado em

Quase metade dos consumidores tende a desistir do cadastro em bancos digitais por problemas no aplicativo, na autenticação ou no tempo de demora. Os bancos Neon, Original e Agibank são os que possuem as melhores notas quanto ao processo de cadastro.

Em ambiente controlado, a taxa de dropout é de 22,4%. Em condições diferentes desse estímulo, no entanto, as desistências chegariam a 48%. Os dados são de um levantamento realizado pelo Idwall em parceria com a Cantarino Brasileiro e levou em consideração os principais aplicativos de bancos digitais brasileiros, avaliando os processos de onboarding (cadastro digital) e também de dropout (desistência).

Foram avaliadas no estudo: Agibank, Banco Inter, Banco Original, BMG, Digio, Next, Neon, Nubank, Superdigital e Woop.

Ainda segundo a pesquisa, os onboardings mais rápidos e menos burocráticos também foram os que receberam notas mais altas e maior interesse de permanência no aplicativo pelos usuários.

Avaliações

A maioria dos respondentes do levantamento (57%) afirmaram que tiveram uma experiência negativa ao utilizar as ferramentas de selfie e de captura e extração de documentos. Nesse quesito, o Digio foi o que apresentou a pior nota, com 100% dos votos respondendo pelo campo “Ruim”. O Superdigital, do Santander, por sua vez, obteve a melhor nota, com 70% das avaliações no campo “Excelente”.

O Super também recebeu a nota de menos burocrático, com 75% das avaliações, seguido pelo Woop (66,7%) e pelo Original (61,1%). O Next, do Bradesco, foi considerado o mais burocrático (47,4%).