Publicado em

Morreu neste início de tarde de segunda-feira, 11, no hospital Albert Einstein, em São Paulo, o banqueiro e ex-presidente do Banco Central Fernão Bracher. Ele havia sido hospitalizado há cerca de uma semana, depois de uma queda em casa, e acabou sofrendo um enfarte. A informação é de Sonia Racy, da coluna Direto da Fonte.

Aos 83 anos, Bracher estava afastado de suas altas funções - foi presidente do BBA, vice-presidente do conselho de administração do Banco Itaú, e em 2005 dissociou-se em definitivo das tarefas no Itaú-BBA, que passaram às mãos de seu filho Candido Botelho Bracher, que hoje preside o Itaú Unibanco.