Publicado em

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar recuava ante o real no início do pregão desta quinta-feira, após decisão do Banco Central do Brasil de mudar sua forma de atuar no câmbio, mas ainda monitorando o exterior, onde prevalecia a aversão ao risco ligada a temores de uma recessão global.

Às 9:09, o dólar recuava 0,61%, a 4,0160 reais na venda.

Na véspera, o dólar encerrou em alta de 1,86%, a 4,0405 reais na venda, fechando acima de 4 reais pela primeira vez desde maio.

O dólar futuro de maior liquidez cedia por volta de 1% neste pregão.

O Banco Central realiza nesta sessão leilão de até 11 mil contratos de swap cambial tradicional, correspondentes à venda futura de dólares, para rolagem do vencimento outubro de 2019.

 

(Por Laís Martins)