Publicado em

Criada há três anos com a proposta de aliar praticidade e saúde no cotidiano alimentar, a fabricante de congelados Liv Up passa agora por um momento de expansão. O faturamento saltou de R$ 1 milhão em todo o ano de 2016 para uma média mensal de R$ 1,8 milhão em 2018. A meta é ampliar a área de atuação, hoje concentrada em São Paulo, e chegar a dezembro com a marca de R$ 30 milhões no ano, diz Victor Nogueira dos Santos, um dos fundadores.

Em 2015, ao lado de Henrique Dorizotto Castellani, ele investiu R$ 250 mil em recursos próprios para criar a empresa, que recebeu ainda um aporte de R$ 675 mil. O plano era oferecer uma opção de alimentação saudável, acessível e compatível com a correria do dia a dia. “Trabalhávamos até em fins de semana. Víamos que só comíamos fast food e estávamos negligenciando nossa saúde. Não havia tempo de ir ao mercado, além de lá só haver opções caras. A ideia é que as pessoas mudem de vida com uma nova dieta”, diz Santos.  

Após dois anos de dedicação exclusiva à ideia, a empresa paulistana planeja expandir sua área de cobertura e distribuição, além de ampliar o cardápio. A projeção é que o faturamento triplique.

Com um novo aporte e selecionada para um ciclo de aceleração de negócios da Launchpad Accelerator São Paulo, do Google, a Liv Up terá tecnologia da gigante da internet para realizar inovações.

No delivery, a empresa trabalha com apenas dois motoqueiros fixos e prioriza serviços terceirizados de entrega, por meio de empresas de frota. Desta forma, programa as entregas por data e horário. Os entregadores levam a comida ao local combinado, com taxa de R$ 10,90 para pedidos abaixo de R$ 200.

Com este modelo logístico, a área de entrega irá se ampliar de São Paulo (toda a capital e parte da região metropolitana) para outros estados, chegando até o final do ano a Belo Horizonte e Curitiba, diz Santos.

O menu também passou por remodelação para ampliar o número de pratos com preparo fácil e que conservam o valor nutritivo da comida pela temperatura baixíssima em que se conservam. Montado por nutricionistas e chefs, as opções se direcionam a diversos perfis: do atleta fitness àqueles que necessitam perder peso ou mudar hábitos de alimentação, além de dietas específicas, como as de vegetarianos e veganos.

No site, o cliente agora pode optar por combos semanais ou quinzenais que mais se adequem ao seu regime, com porções controladas.

Os pacotes (sacos com os alimentos pré-prontos) são montados e oferecem almoço e janta ou apenas almoço. Os preços variam de R$ 196 a R$ 685, de acordo com o valor dos ingredientes.

As refeições são adaptáveis para aquecimento em micro-ondas ou cozimento em banho-maria, o que os torna versáteis para os horários de cada cliente.

O cardápio também contempla doces (sobremesas), porções e snacks (biscoitos/salgadinhos) e pratos individuais a la carte (que variam de R$ 18,30 a R$ 28,70). A empresa aceita todos os cartões de débito ou crédito, além de diversas bandeiras de tíquetes refeição.

Para estimular a agricultura familiar, a empresa tem entre seus fornecedores diversos pequenos produtores, com controle de origem dos alimentos.