Publicado em

No segundo trimestre de 2019 em relação ao mesmo período do ano anterior, a alta da receita anual da área de Tecnologia da Informação da operadora foi de 27%, passando a ser um pilar estratégico de rentabilidade do negócio

O prejuízo líquido da registrado pela empresa no segundo trimestre atingiu o patamar de R$ 1,55 bilhão, o que representa um aumento em torno de 24% em comparação com igual período do ano passado