Publicado em

Uma sessão solene na Câmara dos Deputados, marcou ontem os 50 anos da instituição do AI-5. Considerado o mais duro dos atos institucionais do período da ditadura militar (1964-1985), ele autorizava o presidente da República a decretar o recesso do Congresso Nacional, das assembleias legislativas e das câmaras de vereadores, cassar mandatos de parlamentares e suspender direitos políticos dos cidadãos. O AI-% só foi revogado dez anos depois.

Textos / Agências