Publicado em

De acordo com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), os países islâmicos ocupam a terceira posição entre os principais importadores de produtos agrícolas brasileiros. Em 2018, os embarques para estas nações somaram cerca de US$ 16,4 bilhões. Alguns produtos precisam passar por procedimentos de abate que seguem os preceitos muçulmanos (halal) para serem exportados. No ano passado, o Brasil embarcou US$ 2,32 bilhões em frango e US$ 1,52 bilhão em carne bovina halal, o que coloca o País como o maior exportador do gênero no mundo.