Publicado em

O Shopping Iguatemi de Salvador , o maior na Bahia e o quinto do País, é um bom exemplo de empreendimento que busca a auto-suficiência de energia para atender a própria demanda. O centro comercial inaugura no próximo mês sua usina de co-geração a gás natural, com capacidade instalada de 8,4 megawatts de energia elétrica e 2.500 toneladas de refrigeração.O investimento total da empresa no projeto está calculado em cerca de R$ 24 milhões, dos quais R$ 19 milhões foram financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), através do Programa de Apoio Financeiro a Investimentos Prioritários no Setor Elétrico. Durante a implantação da Central Termelétrica UTE Iguatemi Bahia foram gerados 55 empregos diretos e 165 indiretos. Quando entrar em operação, a usina garantirá a criação de 22 novos postos de trabalho diretos.A Central Termelétrica UTE Iguatemi Bahia, que venderá o excedente de energia para a rede elétrica da distribuidora local, é um projeto com vantagens ecológicas, já que os equipamentos que formam a usina usarão gás natural como combustível. A planta de co-geração do Iguatemi Salvador - com área de aproximadamente mil metros quadrados - será instalada a partir de três motores de produção de gás. A Bahia é um estado privilegiado na questão da produção de gás natural, porque, além de não ser afetado com a atual crise de fornecimento, se tornará auto-suficiente em janeiro próximo com o início do projeto de Manati, da Petrobras . O empreendimento visa produzir 6 milhões de metros cúbicos de gás por dia, a partir de meados de 2006.Inaugurado há 25 anos, o Shopping Center Iguatemi de Salvador pertence ao Grupo Nacional Iguatemi , empresa com foco no planejamento, gerenciamento e administração de shoppings. O Iguatemi Salvador tem atualmente 530 lojas, 15 salas de cinema e um variado conjunto de outros empreendimentos comerciais.A Bahia é um estado que produz todo o gás natural que consome