Publicado em

SÃO PAULO (Reuters) - Um juiz federal do Piauí decidiu nesta quinta-feira suspender os efeitos de uma assembleia realizada pela Cepisa, distribuidora de energia da Eletrobras no Piauí, que aprovou a venda da companhia, segundo decisão vista pela Reuters.

A decisão veio após ação movida pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas do Estado do Piauí, que alegou ausência de um representante da Eletrobras na reunião de acionistas sobre a venda da subsidiária, que faz parte de um grupo de seis distribuidoras que a estatal pretende privatizar.

"Hei por bem suspender os efeitos da decisão tomada na assembleia realizada pela Cepisa no dia 21 de março... até que o referido vício consubstanciado na ausência do representante da Eletrobras na ocasião em que houve a deliberação seja prontamente sanado", escreveu o juiz federal Márcio Braga Magalhães em sua decisão.

Procurada, a Eletrobras não comentou de imediato os eventuais efeitos da decisão.

 

(Por Luciano Costa)