Publicado em

DUBAI (Reuters) - A Arábia Saudita exibiu destroços de drones e de mísseis que, segundo o governo saudita, foram usados em ataques a instalações de petróleo do país, afirmando que são uma evidência "inegável" de uma agressão iraniana.

O porta-voz do Ministério da Defesa, coronel Turki al-Malki, disse que veículos aéreos não tripulados iranianos foram utilizados no ataque, além de mísseis de cruzeiro.

"O ataque foi lançado do norte e inquestionavelmente patrocinado pelo Irã", disse o coronel em entrevista coletiva.

(Reportagem de Maher Chmaytelli, Lisa Barrington e Tuqa Khaled, em Dubai, e equipe da Reuters em Riad)