Publicado em

WASHINGTON (Reuters) - O assessor comercial da Casa Branca Peter Navarro pediu nesta terça-feira que investidores, público e outros sejam pacientes antes das próximas negociações comerciais entre Estados Unidos e China, planejadas para o próximo mês.

"Para obtermos um ótimo resultado, precisamos realmente deixar o processo seguir seu curso", afirmou Navarro em entrevista à CNBC.

O presidente dos EUA, Donald Trump, passou mais de dois anos buscando um acordo comercial com a China depois de criticar Pequim no curso de sua campanha e prometer mudanças radicais nas relações comerciais.

Ele impôs tarifas rígidas às importações chinesas que têm abalado os mercados globais, com seu governo buscando alavancagem nas negociações, levando a China a retaliar com suas próprias taxas.

A proteção da propriedade intelectual, a transferência forçada de tecnologia dos EUA para as empresas chinesas, o acesso das empresas norte-americanas aos mercados da China e os subsídios industriais são questões-chave nas negociações, que devem ser retomadas em Washington em outubro com as principais autoridades dos dois países após discussões de nível menos sênior em meados de setembro.

"Enquanto isso, precisamos ser pacientes com as negociações com a China", disse Navarro à CNBC.

(Por Susan Heavey e Mohammad Zargham)