Publicado em

BUENOS AIRES (Reuters) - O Fundo Monetário Internacional (FMI) disse nesta sexta-feira que aprovou a quarta revisão do programa de crédito da Argentina, o que permitirá a liberação de 5,4 bilhões de dólares ao país sul-americano, sujeita à aprovação da diretoria.

"Esperamos que a inflação, que tem se mantido em níveis altos, continue caindo nos próximos meses", disse o diretor-gerente interino do Fundo, David Lipton, em um comunicado, acrescentando que vê "indícios" de melhora na atividade econômica do país, que vem lutando para sair de uma crise.

 

(Por Gabriel Burin)