Publicado em

Por Enrico Dela Cruz

MANILA (Reuters) - Os preços do minério de ferro e do aço na China se recuperaram nesta quinta-feira após o primeiro dia de negociação do ano, mas permanecem dúvidas sobre a sustentabilidade desses ganhos, em meio a preocupações com o crescimento da segunda maior economia do mundo.

A recuperação se seguiu à notícia de que o planejador estatal da China aprovou projetos ferroviários intermunicipais nas províncias orientais de Jiangsu e Anhui, com um valor total de investimento de 33,7 bilhões de dólares.

O contrato do vergalhão de aço mais ativo na Bolsa de Futuros de Xangai encerrou a sessão em alta de quase 2 por cento, a 3.455 iuanes (502,48 dólares) por tonelada.

A esperada desaceleração econômica da China em 2019, porém, significa que a demanda por minério de ferro "não seria muito alta este ano", disse Richard Lu, analista da consultoria CRU em Pequim, lançando dúvidas sobre a sustentabilidade de qualquer recuperação de preços.

O minério de ferro mais negociado na Bolsa de Mercadorias de Dalian subiu 1,1 por cento, para 497 iuanes por tonelada.