Publicado em

PARIS (Reuters) - O presidente da França, Emmanuel Macron, disse nesta quinta-feira que a amizade entre franceses e alemães não significa que haja sempre um alinhamento na visão com Berlim, e que são necessários os desentendimentos com a chanceler alemã, Angela Merkel, sobre o Brexit e as relações com os Estados Unidos.

“Essa cultura de comprometimento é muito importante – e eu aprendi muito sobre isso com a chanceler Merkel”, disse Macron a jornalistas em uma entrevista coletiva.

“Mas isso não deve deter a afirmação de uma posição francesa (distinta) quando ela exista”, disse ele, acrescentando que um “enfrentamento frutífero” seria por vezes necessário para construir o comprometimento.

“Então sim, sobre o Brexit, não estamos exatamente na mesma página. Sobre o clima e políticas energéticas, não estamos exatamente na mesma página.”

(Reportagem de Michel Rose)