Publicado em

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, continuou a pressionar o Federal Reserve e o chairman do banco central a reduzir a taxa de juros, afirmando que suas políticas monetárias dificultam o crescimento dos EUA e reduzem a capacidade do país de competir economicamente.

"Indo muito bem com a China e outros acordos comerciais. O único problema que temos é Jay Powell e o Fed. Ele é como um jogador de golfe que não consegue jogar, não tem talento. Grande crescimento dos EUA se ele fizer a coisa certa, UM CORTE GRANDE - mas não conte com ele!", escreveu Trump no Twitter.

"Estamos competindo com muitos países que têm uma taxa de juros muito menor, e devemos ter juros menores do que o deles", acrescentou.

 

(Por Makini Brice)