Publicado em

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta sexta-feira que não vai declarar uma emergência nacional por ora como forma de encerrar uma paralisação parcial do governo e garantir recursos para um muro na fronteira, afirmando que prefere que o Congresso dos EUA aja.

(Reportagem de Steve Holland)