Publicado em

Haverá apetite das grandes petroleiras globais para as três rodadas de licitação de áreas de petróleo e gás, incluindo duas do pré-sal, marcadas para este segundo semestre no Brasil, disse o diretor-geral da reguladora ANP, Decio Oddone, ontem (28).

Em evento no Rio de Janeiro, ele afirmou que o número de empresas inscritas para a 16ª rodada é um bom sinalizador para as demais rodadas.

A ANP informou que 16ª rodada, sob regime de concessão, recebeu inscrição das primeiras 12 empresas, incluindo gigantes como Exxon, Shell, Equinor, Total e CNOOC, além da Petrobras.

Além da 16ª rodada, o governo vai fará neste segundo semestre a sexta rodada no regime de partilha de produção e o leilão do excedente da cessão onerosa, ambos com áreas no pré-sal. "A 16ª é uma sinalização positiva do que vem pela frente", disse.

"Acho que o número e a qualidade das empresas inscritas para 16ª rodada mostram o grau de interesse, e vamos ver algo parecido na sexta rodada e no excedente", comentou o executivo para jornalistas / Reuters