Publicado em

YORK (Reuters) - Boris Johnson, favorito a substituir Theresa May como primeiro-ministro da Grã-Bretanha, disse nesta quinta-feira que o governo precisa encontrar uma maneira de tributar o lucro das gigantes da tecnologia global.

     "Eu acho que é profundamente injusto que as empresas de rua estejam pagando impostos ... enquanto os gigantes da internet, os FAANGs - Facebook, Amazon, Netflix e Google - não estão pagando praticamente nada", disse Johnson num evento em York, norte da Inglaterra.

     "Temos que encontrar uma maneira de taxar os gigantes da internet sobre sua renda, porque no momento é simplesmente injusto."

(Por Andrew MacAskill)