Publicado em

A inadimplência ficou quase estável no primeiro trimestre de 2019, com um pequeno avanço de 0,13%. No mesmo período do ano passado, a variação trimestral havia sido de 2,38% na quantidade de pessoas inadimplentes. Na comparação anual, houve uma desaceleração na quantidade de consumidores que deixaram de pagar as contas. PÁGINA 12