Publicado em

Um relatório divulgado ontem pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) aponta que, ao mesmo tempo em que o Brasil destina 4,2% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação – enquanto a média mundial é de 3,2% –, a destinação de recursos por aluno – nos níveis básico, fundamental, médio e técnico – deixa muito a desejar. PÁGINA 3