Publicado em

(Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro mudou o tom sobre os recentes incêndios na Floresta Amazônica em uma live numa rede social nesta quinta-feira, afirmando que as queimadas são prejudiciais a todos e sobre o possível envolvimento de fazendeiros.

Depois de levantar suspeitas contra ONGs na véspera e nesta manhã sobre as queimadas, Bolsonaro deu mais ênfase à possibilidade de envolvimento de fazendeiros nos incêndios.

"Ajudem-nos a combater isso daí, tá certo? Você que é da região, você que é fazendeiro, há suspeita que tem produtor rural que tá, agora, aproveitando e tacando fogo geral aí. Porque as consequências vêm para todo mundo", disse o presidente.

"Que vocês querem ampliar a área de produção, tudo bem. Agora, não é dessa forma que a gente vai conseguir atingir o nosso objetivo", acrescentou.

Nesta quinta-feira, o presidente francês, Emmanuel Macron, classificou os incêndios na região como uma emergência internacional e que a situação seja discutida em cúpula do G7.

 

(Por Alexandre Caverni e Gabriel Araújo, em São Paulo)