Publicado em

Por 29 a 16 votos a base de vereadores de Marcelo Crivella (PRB) conseguiu evitar a abertura do processo de impeachment contra o prefeito na Câmara Municipal. Com isso, o processo foi rejeitado e vai para arquivo.