Publicado em

Nove pessoas morreram, incluindo quatro guardas e um intérprete, em um tiroteio numa prisão no norte de Bagdá, capital do Iraque, durante uma tentativa de fuga de presos. O combate ocorreu na manhã de ontem, quando 16 prisioneiros tentaram fugir depois de arrebentar uma grade da cadeia e roubar armas de um armazém militar, informou ontem o exército dos Estados Unidos. Quatro prisioneiros estão entre os mortos e um soldado norte-americano ficou ferido. Mais cedo, o governo iraquiano havia dito que 20 presos foram mortos, informação mais tarde desmentida pelo militares dos EUA.