Jô Soares morre aos 84 anos; relembre carreira

Artista faleceu durante a madrugada e causa não foi divulgada.

O apresentador, ator e escritor Jô Soares morreu na madrugada desta sexta-feira, 5 de agosto de 2022. O apresentador tinha 84 anos e estava internado em um hospital Sírio Libanês, em São Paulo. A informação foi divulgada pela ex-esposa de Jô, Flavia Pedras, no Instagram, poucos minutos após o falecimento, segundo sua publicação.

Jô Soares morreu, mas a causa de sua morte não foi divulgada até agora. O que se sabe até agora é que ele estava internado no hospital Sírio Libanês, localizado no bairro Bela Vista, em São Paulo. Natural do Rio de Janeiro, o famoso nasceu no dia 16 de janeiro de 1938 e estava com 84 anos de idade.

O velório de Jô Soares irá ser fechado apenas para familiares e amigos próximos, segundo a ex-esposa do autor, Flávia Pedras.

Ex-mulher

Além de revelar o falecimento de Jô, Flávia escreveu um emocionante texto de homenagem e despedida para o ex-global em seu perfil oficial do Instagram. “Faleceu há alguns minutos o ator, humorista, diretor e escritor Jô Soares (…) Assim, aqueles que através dos seus mais de 60 anos de carreira tenham se divertido com seus personagens, repetido seus bordões, sorrido com a inteligência afiada desse vocacionado comediante, celebrem, façam um brinde à sua vida. A vida de um cara apaixonado pelo país aonde nasceu e escolheu viver, para tentar transformar, através do riso, num lugar melhor. (…) Agradeço aos senhores Tempo e Espaço, por terem me dado a sorte de deixar nossas vidas se cruzarem”, escreveu.

Ao longo da vida, o apresentador teve apenas um filho, Rafael Soares, que faleceu em outubro de 2014, aos 50 anos de idade. O herdeiro foi fruto do relacionamento de Jô Soares com a atriz Therezinha Millet Austregésilo, que faleceu em março de 2021.

Jo e flavia
Jô soares e a ex-esposa flávia pedras soares – foto: reprodução/instagram/@flavia_pedras

Carreira de Jô Soares

Antes de ingressar na TV Globo, emissora que trabalhou em diversos programas durante décadas, Jô Soares esteve nos mais diversos canais, como as extintas Tupi e Excelsior e Record TV, em que trabalho em La Reuve Chic, Jô Show e A Família Trapo durante os anos 1960.

Em 1970, ele migrou para a Rede Globo, em que esteve a frente do programa Faça Humor, Não Faça Guerra. Pouco mais de 10 anos depois, ele estrelou Viva o Gordo. Após esse período na Globo e seis anos a frente do Viva o Gordo, ele migrou para o SBT e trabalhou em seu próprio talk-show.

Nos anos 2000, ele retornou para a Globo e lançou o marcante Programa do Jô, que contou com os mais diversos convidados aos longos dos anos. O programa chegou ao fim em 2016.

Jô Soares livros

Além da carreira ilustre na frente das câmeras, Jô Soares também ficou marcado por sua contribuição para a literatura. Entre suas publicações mais famosas está O Xangô de Baker Street, que chegou a se tornar filme em 2001, dirigio por Miguel Faria Jr.

Além desta obra, ele também lançou:

  • O Astronauta Sem Regime
  • Humor Nos Tempos do Collor
  • A Copa Que Ninguém Viu e a Que Não Queremos Lembrar
  • O Homem que Matou Getúlio Vargas
  • Assassinatos na Academia Brasileira de Letras
  • As Esganadas
  • O livro de Jô – Volume 1: Uma autobiografia desautorizada
  • O Livro De Jô – Volume 2: Uma Autobiografia Desautorizada

Relembre momentos do apresentador:

Famosos lamentam morte de apresentador

O nome de Jô Soares tomou as redes sociais após o anúncio de sua morte. Fãs, artistas, jornalistas, entre outros, lamentaram a perda e escreveram homenagens para o apresentador.

A cantora e compositora Zélia Duncan, grande amiga do apresentador, publicou um texto em seu Twitter sobre o assunto. A famosa disse que o Brasil “perdeu um artista único” e completou: “um comediante que amava seu ofício acima de tudo, um ator fora de série. Um entrevistador brilhante. Um cidadão que amava seu país e seus amigos. Jô Soares, obrigada por tanto”.

Admirador do trabalho de Jô, o ator Armando Babaioff, conhecido por novelas como Tititi e Bom Sucesso, escreveu em seu perfil oficial do Twitter: “Foi com Jô Soares que eu entendi, ainda muito novo, o significado de rir de si mesmo”.

Na publicação de Flavia Pedras sobre o falecimento do ator no Instagram, diversos famosos prestaram suas condolências, como Adriane Galisteu, amiga e vizinha de Jô Soares. A artista escreveu: “meu Deus que tristeza! Todo meu amor Flavinha”.

A atriz Bárbara Paz, que atualmente está na novela Além da Ilusão e já foi convivida no programa global de Jô Soares algumas vezes, desejou um abraço forte para Flávia e completou: “Muito amor. Ele viverá pra sempre em ti”.

A também atriz Isabel Teixeira, filha do cantor Renato Teixeira – que já se apresentou no programa – e que vive atualmente Maria Bruaca em Pantanal, comentou: “Flávia, querida, te abraço forte de longe, e perto de coração. Ele sempre estará. E vc com ele. Beijos”.

Homenagens famosos
Famosos escreveram mensagens de apoio nas redes sociais – foto: reprodução/instagram/@flavia_pedras

 

+ Filhas de Silvio Santos: saiba quem é quem na família

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.