A Fazenda 12: após Mion criticar Carol Narizinho ao vivo, Record divulga nota

Na votação da terceira roça do reality A Fazenda 12 deu o que falar. Marcos Mion fez um discurso direciona para a fazendeira Carol Narizinho, porém não foi bem aceito pelos fãs. Com isso, a Record divulgou uma nota de esclarecimento no ao vivo. Vem ver como tudo aconteceu

Na última terça-feira (29) em A Fazenda 12 foi fogo no feno! Logo no início da votação, o apresentador Marcos Mion fez um discurso chamando a atenção de Carol Narizinho, a fazendeira da semana. Primeiramente, ele disse que o dono da função de fazendeiro é colocar ordem e não incentivar punições, ou seja, afirmando que ela não fez uma boa liderança. No entanto, muitos fãs criticaram a fala de Mion, resultando em uma nota de esclarecimento da Record. Vem ver.

Veja o vídeo do discurso de Marcos Mion em A Fazenda 12

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

A Fazenda 12: Carol Narizinho ficou extremamente chateada

Na madrugada desta quarta (30), após a formação da roça, Carol Narizinho teve uma crise de choro após a chamada de atenção de Mion em A Fazenda 12. Em conversa com Luiza Ambiel, ela chorou, afirmando que não entendeu suas justificativas por não ter sido uma boa fazendeira. Para consolá-la, Lipe Ribeiro deu um abraço na ex-panicat afirmando que ela foi uma ótima fazendeira e que também não entendeu o motivo de Mion ter agido daquela forma, ainda mais ao vivo.

A Fazenda 12: Internautas criticam Marcos Mion

Marcos Mion se defende

Na manhã desta quarta (30), Marcos Mion postou Tweets em sua defesa, alegando que é e sempre será imparcial em A Fazenda 12. Em sua justificativa, ele fala que não foi um recado específico para Carol, mas, sim, para todos os peões. E que não partiu dele, foi aprovado pela produção do reality. “Como todos que seguem minha carreira sabem, eu não emito opinião pessoal na Fazenda. Não cabe e é errado”, afirmou.

“Eu sei que fãs sofrem e confesso que eu, como telespectador e amigo de todos ali também sofro. O jogo precisa de regras. Minha função é apenas cobrá-las. Não emito opinião pessoal, como esse discurso não foi”, escreveu ele. “Eu adoro ela, assim como adoro todos que estão lá dentro”, completou.

Ainda sendo atacado pelo público, ele voltou a se defender. No entanto, o apresentador continuou a ser atacado pelo público do programa e voltou a se defender: “O texto todo foi encomendado e aprovado pela direção do programa. Não é um recado pessoal, uma opinião minha! A direção quis passar esse recado, pois julgou necessário. Eles são os donos do jogo”, explicou ele.

Nota de esclarecimento da Record 

Na manhã desta quarta (30), a coluna do UOL recebeu uma nota enviada pela direção do reality show, explicando o motivo da bronca dada por Mion em Carol Narizinho ao vivo em A Fazenda 12. 

Diz a nota:

“A direção do programa ‘A Fazenda’ endossa as palavras do apresentador Marcos Mion sobre as responsabilidades do fazendeiro durante o programa. ‘A Fazenda’ segue criteriosos protocolos de segurança e saúde que estão permitindo a realização de um programa de confinamento mesmo durante a pandemia. Entre as restrições, há um isolamento ainda maior dos peões na área do programa. A zootecnista, o caseiro e a produção não entram no espaço para auxiliar nas tarefas do trato dos animais e das plantas. Mais do que em qualquer outra edição, o fazendeiro deve ser o guardião dos cuidados com os animais e as normas da fazenda.

Como a fazendeira Carol chegou a dizer que as punições estavam liberadas enquanto ela estivesse no comando, dando a entender que os peões poderiam deixar de cumprir obrigações com os cuidados da fazenda e de suas normas de convivência, segurança e saúde, o recado a todos os participantes do programa se tornou necessário.

O que a produção quis foi alertar que a função de fazendeiro traz benefícios no jogo, mas, muito mais do que isso, também obrigações com a segurança, saúde e convivência de todos. E, além disso, o cumprimento rigoroso do cuidado com os animais e do isolamento durante a pandemia.

Alimentos e bebidas disponibilizados nas festas devem ser consumidos fora da casa.

O álcool gel jamais pode ser usado para outra função que não seja o da higiene e limpeza. E os animais têm rotinas e horários que precisam ser seguidos à risca.

A mensagem aos peões era necessária para a segurança de todos e também para que os próximos fazendeiros não incentivem o descumprimento das regras e as consequentes punições.” 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes