Pontuação da Fórmula 1 em 2021: entenda como funciona

Primeiro, segundo e terceiro colocado ganham pontos de acordo com as colocações na corrida

A Fórmula 1 trata de muitas coisas – velocidade, glória, glamour, bravura – mas para equipes e pilotos, trata-se, em seu nível mais básico, de ganhar pontos. Isso é o que eles suam em cada fim de semana de corrida e como serão julgados nos próximos anos.

Portanto, para ter certeza de que você sabe o que todos eles estão perseguindo em uma manhã de domingo, aqui está uma explicação de como os pontos do campeonato serão atribuídos em 2021.

Como funciona a pontuação da Fórmula 1?

O sistema de pontos na Fórmula 1 dá diferentes valores aos 10 primeiros colocados em cada corrida. Se o piloto terminar em primeiro lugar ganha 25 pontos e sobe na classificação geral, enquanto o vice fatura somente 18.

Pontos extras também são entregues ao competidor que fizer a volta mais rápida, regra criada em 2019 feita pela própria FIA. Ao final da temporada, o piloto que conquistou o maior número de pontos é o campeão do Mundial.

Confira todos os valores de pontuação na Fórmula 1.

 

  • Primeiro colocado: 25 pontos
  • Segundo colocado: 18 pontos
  • Terceiro colocado: 15 pontos
  • Quarto colocado: 12 pontos
  • Quinto colocado: 10 pontos
  • Sexto colocado: 8 pontos
  • Sétimo colocado: 6 pontos
  • Oitavo colocado: 4 pontos
  • Nono colocado: 2 pontos
  • Décimo colocado: 1 ponto

Como é o critério de desempate na Fórmula 1?

Não existe empate no automobilismo. Porém, pode acontecer de competidores obterem ao fim da temporada a mesma pontuação. Em casos como este, o primeiro critério de desempate é o número de vitórias, ou seja, o piloto que ganhou mais corridas ao ano levantará o troféu.

Se o número de vitórias também for igual, então é levado em conta o número de segundos colocados em que cada um obteve. Se o empate novamente acontecer, os terceiros colocados serão tomados.

Com efetivo sistema de pontuação, nem sempre o piloto que ganhou mais corridas ao longo da temporada é o campeão do Mundial.

Como funciona o Campeonato de Construtores?

A Fórmula 1 coroa não só o o piloto, como também a equipe que ao longo do ano obteve mais pontos. Cada empresa tem dois representantes correndo nas pistas, e para determinar a classificação de Construtores, soma-se a pontuação dos dois na temporada para chegar ao número exato do time.

Por exemplo, se Lewis Hamilton terminar a corrida em primeiro lugar e Valtteri Bottas em sexto, a Mercedes ganha 33 pontos na classificação geral de Construtores.

cada ponto é importante, pois as equipes os disputam por posições na tabela que irão de alguma forma decidir o pagamento da F1 no final da temporada. O prêmio em dinheiro não é inteiramente baseado no mérito – uma porcentagem da receita gerada pelo campeonato é dividida igualmente entre as 10 equipes – mas há uma parte significativa do dinheiro, compreendida como 23,75 por cento do lucro geral da F1, ou seja, concedido com base em onde as equipes terminam na classificação do WCC.

Os campeões recebem cerca de $ 66 milhões (£ 48 milhões), enquanto o último lugar recebe cerca de $ 15 milhões (£ 11 milhões).

Fórmula 1 pontuação
Red Bull espera vencer o Campeonato de Construtores com Verstappen e Sérgio Perez em 2021 –  Foto: Fórmula 1 Oficial

 

+ Maiores campeões da Fórmula 1: confira quem lidera o ranking

Você pode gostar também
buy cialis online