BTG lança primeiro fundo de Bitcoin de um banco brasileiro

Fundo de Investimento multimercado BTG Pactual Bitcoin 20 FIM foi aprovado pela CVM e estará no mercado em abril

O Banco BTG Pactual anunciou que teve aprovado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para o lançamento de um fundo de investimento multimercado lastreado em Bitcoin, o BTG Pactual Bitcoin 20 FIM.

Com o anúncio,  o BTG se tornou o primeiro banco no Brasil a oferecer um fundo de investimento com exposição em Bitcoin.

Segundo a lâmina do fundo a que o DCI teve acesso junto à CVM, o produto tem como objetivo buscar retorno por meio de 20% de exposição em Bitcoin negociados no exterior, por meio do fundo INT X, além de investir majoritariamente em títulos públicos, Letras Financeiras do Tesouro (LFT), Certificados de Depósito Bancário (CDB) e Operações Compromissadas.

O BTG destaca que o lançamento acontece em linha com um dos propósitos do BTG Pactual digital: democratizar o acesso aos melhores investimentos e atende a um pedido dos próprios clientes, que têm interesse no mercado de criptomoedas.

“Queremos aproveitar toda a robustez, tecnologia e estrutura bancária que o BTG Pactual já possui para oferecer vantagem competitiva e democratizar o investimento em bitcoin, moeda que mais cresce dentro do segmento de criptomoedas, e com um produto mais acessível em termos de custo para o investidor”, afirma Will Landers, líder de renda variável da BTG Pactual Asset Management.

O fundo deve estar disponível aos clientes do banco ainda em abril e terá investimento inicial a partir de R$ 1.

BTG e Bitcoin

Com a aprovação da CVM o Brasil passa a ter 16 fundos de investimento com exposição em Bitcoin:

QR BLOCKCHAIN ASSETS FIM IE
QR BTC MAX FIM IE
VTR QR CRIPTO FIM IE
HASHDEX CRIPTOATIVOS DISCOVERY FIC FIM
HASHDEX CRIPTOATIVOS EXPLORER FIC FIM
HASHDEX CRIPTOATIVOS VOYAGER FIM IE
HASHDEX BITCOIN FULL 100 FIC FIM IE
HASHDEX BITCOIN I FIM IE
HASHDEX OURO BITCOIN RISK PARITY FIC FIM
HASHDEX CRIPTOATIVOS I FIM
HASHDEX CRIPTOATIVOS II FIM
BLP CRIPTOATIVOS FIM
BLP CRYPTO ASSETS FIM IE
VITREO CRIPTOMOEDAS FIC FIM INVESTIMENTIMENTO EXTERIOR
VITREO CRIPTO METALS BLEND FIC FIM
BOHR ARBITRAGE CRIPTO FIM IE

Além do fundo de varejo, em breve o BTG deve disponibilizar para seus clientes o primeiro ETF de criptomoedas do Brasil, uma parceria do banco junto com o Itaú e a Hashdex.

As instituições se uniram e vão oferecer o primeiro ETF de Bitcoin e criptomoedas do Brasil que também será negociado na B3.

O BTG Pactual, Itaú e Genial serão os coordenadores da oferta, que tem o nome de Hashdex Nasdaq Crypto Index e será o primeiro produto baseado em criptomoedas a ser negociado na Bolsa de Valores do Brasil, a B3,  com o ticker HASH11.

O fundo replicará o Nasdaq Crypto Index (NCI), índice desenvolvido em conjunto pela Nasdaq e pela Hashdex.

 

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.