De olho no Clubhouse, Spotify compra app de áudio

Serviço de streaming de música terá função de organizar salas de conversa por áudio de acordo com temas

Parece que o sucesso do aplicativo Clubhouse, rede social de áudio, mexeu com o mercado de tecnologia. Depois de Twitter e Facebook adotarem recursos semelhantes, chegou a vez do Spotify anunciar a compra do Locker Room, aplicativo rival do Clubhouse e com um funcionamento similar. Ou seja: organizar salas de conversa por áudio seguindo temas.

No entanto, apesar do foco no Locker Room, a compra foi ainda maior. Afinal, o Spotify adquiriu todas operações da Betty Labs, a desenvolvedora de apps dona do Locker Room.

A ideia central do Spotify é integrar esse app, de função similar ao Clubhouse, dentro do próprio streaming de música. Com isso, os podcasts se tornarão mais participativos, com salas de bate-papo ao vivo, totalmente conduzidas por áudio. Isso, de alguma maneira, pode fazer com que os podcasts deixem de ter uma função secundária dentro do streaming.

“Criadores e fãs têm pedido formatos ao vivo no Spotify, e estamos entusiasmados que em breve os disponibilizaremos para centenas de milhões de ouvintes e milhões de criadores em nossa plataforma”, disse Gustav Söderström, diretor de pesquisa e desenvolvimento do Spotify, em nota. Os valores dessa transação não foram anunciados pelo Spotify.

Locker Room no Spotify

Atualmente, o Locker Room é um serviço mais voltado para fãs de esporte, focado em salas de áudio para bate-papo de times, campeonatos e últimas notícias. No entanto, obviamente, o Spotify vai expandir as funções e públicos do Locker Room, aproveitando apenas a base tecnológica do serviço, ainda que fãs de esporte, é claro, devam manter espaço por ali.

De resto, em relação ao funcionamento do app, é tudo igual ao Clubhouse. Pessoas podem criar salas de conversas, pedir para falar em salas maiores, seguir temas, acompanhar conversas apenas como ouvinte. O único grande diferencial fica em uma ferramenta de conversa por texto, dentro das salas, aberta para todos que ingressarem nessas conversas.

Ainda não se sabe quando o Locker Room será integrado ao Spotify, nem se o serviço de streaming irá manter o nome do app.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.