Veja a ‘Cidade iPhone’, onde se trabalha 24h para lançar celular da Apple

Funcionários da ‘Cidade iPhone’, que fica na China, trabalham em turnos de 10 horas e são pagos com o triplo do salário

Você sabia que há uma ‘cidade iPhone‘? Sim, trata-se de uma cidade inteira trabalhando para produzir os novos e recém-lançados modelos da Apple, lançados nesta sexta-feira ao mercado mundial.

Onde é a ‘cidade iPhone’?

Se você acha que a localidade fica nos Estados Unidos, na região do Vale do Silício, ou ainda em algum canto da Europa, ou ainda no Brasil, país dos que mais consomem os iPhones, está enganado.

A ‘cidade iPhone‘ é Zhengzhou, na China. Isso porque é nessa localidade em que está instalada a maior fábrica da Foxconn, empresa responsável pela fabricação dos aparelhos.

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Saiba mais: Confira 14 novidades do iPhone 12 lançado nesta terça-feira

É desta cidade de mais de 10 milhões de habitantes (mais ou menos do porte de São Paulo) que saem todos os novíssimos aparelhos que irão chegar às mãos dos consumidores da Apple em todo o mundo.

Linha de montagem

Como a procura pelo novo iPhone está bastante alta, a empresa teve que crescer. Agora, a montadora está com cerca de 120 mil funcionários que se revezam para trabalhar 24 horas por dia. Tudo isso para garantir que as encomendas sejam entregues dentro do prazo. As informações são do jornal South China Morning.

De acordo com a publicação, os trabalhadores da ‘cidade iPhone’ ganham R$ 25 a hora, em média. Há até bônus que chegam a R$ 7,8 mil para quem conseguir o feito de trabalhar 55 dias diretos, sem folga. A demanda é tão alta que funcionários passaram a ser recrutados em cidades vizinhas.

A estimativa é de que somente neste ano, 75 milhões de iPhones 12 sejam produzidos. A novidade da Apple deve custar cerca de R$ 7 mil no Brasil.

Como é Zhengzhou?

Zhengzhou, a cidade iPhone, é a capital e maior cidade da província de Honã, na parte central da China. Historicamente, Zhengzhou foi a capital chinesa por mil anos em cinco situações.

Hoje, serve como o centro político, econômico, tecnológico e educacional da província, além de ser um importante centro logístico chinês.

Zhengzhou é uma cidade histórica e cultural, uma das oito capitais antigas e um dos locais de nascimento da civilização chinesa e o local de nascimento de Huang Di, o imperador Amarelo.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes