Saiba quais são os 10 carros mais valorizados em 2020

A pandemia do novo coronavírus balançou um pouco a indústria automotiva. Confira os 10 carros que mais valorizaram e desvalorizaram no ano de 2020.

De acordo com um levantamento da Kelley Blue Book (KBB), empresa de pesquisa do mercado de trabalho automotivo, em 2020, a indústria também sentiu altos e baixos devido a paralisação das fábricas por conta do novo coronavírus. Segundo os dados, o efeito dos fortes aumentos dos modelos zero quilômetros levou a um momento atípico do mercado de vendas. Quando imaginavam uma queda nesses modelos, alguns seminovos tiveram uma valorização especial. Veja os 10 carros mais valorizados e desvalorizados em 2020.

Top 10 carros mais valorizados em 2020

Conforme a tabela mostra, o Toyota RAV-4 2020 seminovo, por exemplo, é vendido em dezembro, segundo o preço praticado pelos lojistas, com média de 12,47% de valorização em relação ao preço de 0km de janeiro. O que quer dizer, é: ele é um carro vendido seminovo, em média, mais caro do que seu preço original 0km do começo do ano.

Toyota RAV4

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Imagem do modelo de carro Toyota RAV4 2020
Toyota RAV4 (Foto: Reprodução)
1 -Toyota RAV4 12,4%

2 – Mercedes-AMG GT

8,52%
3 – BMW M2 7,38%
4 – Mercedes-AMG G 63 7,23%
5 – Mercedes-Benz GLE 6,58%
6 – Volkswagen Tiguan Allspace 6,16%
7 – Mercedes-Benz Classe A Sedan 5,95%
8 – Mercedes-AMG C 63 5,49%
9 – Audi Q3 3,37%
10 – Range Rover Vogue 2,70%

 

Top 10 carros mais desvalorizados em 2020

Contudo, de acordo com a publicação, os 10 carros que mais desvalorizaram no ano de 2020 são quase todos pertencentes a marcas premium. O destaque fica por conta do modelo Jaguar XF, pertencente ao mercado de lojistas em média com -24,6% de desvalorização em comparação com seu Preço 0km no início do ano. Na lanterna dos negativos, também está o Fiat Weekend ( – 23,74%). 

Veja também: Veja os 20 carros mais vendidos no Brasil em novembro de 2020

Jaguar XF está entre os carros mais valorizados

Imagem do modelo Jaguar XF
Jaguar XF (Foto: Reprodução)
1 – BMW Série 7 – 15,99%
2 – Mercedes-Benz Classe E – 16,19%
3 – Mercedes-Benz Classe S – 16,47%
4 – Mercedes-AMG CLA 45 – 18,50%
5 – Audi A3 Sedan – 19,32%
6 – Suzuki Jimny Sierra – 20,29%
7 – Citroën C4 Lounge – 20,88%
8 – Audi A6 – 21,16%
9 – Fiat Weekend – 23,74%
10 – Jaguar XF – 24,6%

 

Sobre a Kelley Blue Book

Criada em 1926 nos Estados Unidos, a Kelley Blue Book é referência em preços de carros novos e usados tanto para quem compra quanto para quem vende. Ela usa como base de cálculo para o Preço KBB valores de mercado praticados regionalmente. Também é a única a produzir uma tabela que leva em conta fatores como quilometragem, cor, nível de equipamentos e estado de conservação do veículo. E que permite que ninguém perca dinheiro na negociação: seja de um novo ou de um usado. Também oferece conteúdo editorial abrangente em texto e vídeo, com dicas e avaliações de especialistas, ferramentas para comparação de carros e opinião do dono.

Referência em precificação no mercado automotivo norte-americano, a KBB está no Brasil desde outubro de 2017. A sede da Kelley Blue Book é baseada em Irvine, Califórnia, e faz parte da Cox Automotive. 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes